4 de jan de 2015

Um buraco no Sol. PAC...

A culpa é dos nordestinos? 

Em tempo de posses e de repetições de Poderes, está aí abaixo, um oportuno texto para sua reflexão!

Realmente, os usuários dos bolsas não são culpados de nada! São umas pobres vítimas!
 photo _asinbora.jpg

...Hoje estamos assistindo a formação de uma sociedade de viciados pela esmola do Estado, sem o menor estímulo de evoluir para o mercado de trabalho. Se contentando a viver à margem da dignidade humana... (Joaquim Barbosa)

...A culpa é do intelectual, do letrado, do graduado, do pós-graduado que, mesmo ciente de tudo, ainda assim, votou no PT, preferiu a perpetuação do poder à alternância (essencial à democracia)

A culpa é sim de quem lê o jornal e cala-se diante de tamanhas falcatruas que a todo momento estampam a capa dos jornais...

E você : faz parte dessa turma de cegos renitentes ? Você é membro da quadrilha mencionada e elogiada pelo sr. Gilberto Carvalho, em sua despedida da Secretaria Geral da Presidência? (Márcio Dayrell Batitucci) 

 photo _aculpa.jpg 

Ela terá 4 anos para comer o pão que o PT amassou.

Não ia me pronunciar sobre o resultado das eleições, respeito a vontade da maioria. No entanto, não posso me conter diante de alguns comentários preconceituosos que vi nas redes sociais, com seguinte teor: parabéns aos eleitores do nordeste que votam no PT e depois vão para SP governado pelo PSDB atrás de uma vida melhor.

Sou Mineiro e há dois anos moro no nordeste (Teresina/PI), terra que adoto como minha, de povo receptivo e caloroso. Mas o que existe aqui (nordeste)? Oito milhões de famílias dependes dos benefícios do bolsa família.

Os beneficiários do bolsa família são vítimas. São vítimas da administração da pobreza e não do combate à pobreza. Por que ao invés de diminuir o número de dependentes do benefício do bolsa família esse número só cresce? Porque a pobreza está aumentando e não diminuindo. É uma matemática simples e a conclusão só pode ser uma: não há combate à pobreza, há administração da mesma, repito (o pior é que o PSDB sequer administrava a pobreza, olhou para o povo bem menos). Nesse sentido, gostaria de citar uma frase do ex-ministro Joaquim Barbosa: Hoje estamos assistindo a formação de uma sociedade de viciados pela esmola do Estado, sem o menor estímulo de evoluir para o mercado de trabalho. Se contentando a viver à margem da dignidade humana. E mais uma: A pior ditadura não é a que aprisiona o homem pela força, mas sim pela fraqueza, fazendo-o refém das próprias necessidades (autoria desconhecida).

Soma-se a isso a corrupção desenfreada e escancarada que corrói as estruturas da república. Não quero com isso dizer que a direita desse país é santa. O problema é que a esquerda tornou a corrupção algo comum.

Não quero me alongar e volto à pergunta inicial: de quem é a culpa? Certamente não é dos que recebem o bolsa família. São vítimas, repito. A culpa é do intelectual, do letrado, do graduado, do pós-graduado que, mesmo ciente de tudo (a veja não mentiu) ainda votou no PT, preferiu a perpetuação do poder à alternância (essencial à democracia). A culpa é sim de quem lê o jornal e cala-se diante de tamanhas falcatruas que a todo momento estampam a capa dos jornais. E mais, a culpa é dos que ocupam cargos em comissão e vendem sua dignidade por mais alguns anos no governo. Lembrem-se meus amigos, o poder é passageiro (quero crer).

Por que o PSDB perdeu? Porque o PT cuidou mais dos menos favorecidos. Mas, infelizmente, exagerou demais na corrupção, não merecia ter ficado. Me disseram que eleitor do PT é igual mulher que apanha do marido: fica com ele porque ele põe comida em casa. Com o PSDB era pior, ele batia na mulher e não colocava comida em casa. Apesar de tudo, a alternância era essencial num momento como esse. Era preciso mudança, alternância. A corrupção vai virar cláusula pétrea se assim continuarmos.

Para arrematar: triste é a nação que perde a capacidade de se indignar com a corrupção. (AD) (Raphael Miziara)

Obrigado Dilma, obrigado PT 


Há anjos e demônios em todas as profissões! Inclusive na medicina!

Mas, de um modo geral, cada um de nós já teve alguma experiência positiva direta - com relação a nós mesmos ou às pessoas que nos são queridas - de sermos atendidos e cuidados por alguns desses anjos médicos que gravitam ao nosso redor!

São seres excepcionais, sacerdotes da vida e do viver, que se realizam quando constatam que conseguiram melhorar a nossa qualidade de vida e o nosso estar por aqui!

O relato abaixo, polêmico e sobre o qual tenho algumas discordâncias, é deveras preocupante. Não tinha ainda me tocado por essa questão, mas, depois de ler o texto, comecei a identificar que esse iceberg denunciado, começa a aflorar e a tomar corpo em nosso meio! 

A saúde brasileira é um dos mais graves problemas que temos por aqui. Mas, certamente, ela não chegou a esse estado de degradação, por culpa dos médicos!

Temos 3 grandes culpados em todo esse cenário:

 photo _aambulancia.jpg 


1 - Em primeiro lugar, disparado, o Governo, pela prioridade secundária e pela incompetência com que sempre lidou com essa questão!

2 - Em segundo lugar, os abutres de apetite devastador, que são os Planos de Saúde particulares.

3 - Em terceiro lugar, a Indústria Farmacêutica, com sua quase criminosa opção pelo lucro e pela viciação endêmica aos fármacos químicos, que tentam impor a toda a população, muitas vezes, sem qualquer base médica aceitável!

   photo _aatendimento.jpg 

Vê-se, pois, na sequência acima, que esses três pontos dependem da ação governamental, diretamente, ou através de suas Agências Reguladoras, que permitem aos Planos de Saúde e à Indústria Farmacêutica, fazer o que bem entendem!

E se a saúde brasileira, hoje, está tão mal, o Governo PTista-sindical que aí está há doze anos, tem sua total responsabilidade sobre isso!

E, a bem da Justiça, é bom lembrar que esse governo, a seu modo, tentou minorar a esqualidez de nossa saúde, principalmente nos rincões abandonados do País, através do Programa Mais Médicos! Mas não se pode deixar de lamentar a incompetência do Governo e do Conselho Federal de Medicina, para chegarem a um consenso mínimo sobre esse Programa, o que poderá ter minimizado, em muito, os eventuais problemas que ele enfrenta!

Todos esse desvios e falhas, não têm nada a ver com os Médicos, como profissionais individuais!

E se partirmos para uma campanha generalizada e injusta de execração dos médicos, essa realidade só irá piorar! O alvo das críticas está equivocado, pois deveria ser canalizado diretamente ao Governo, o maior responsável!

Então: qual a real motivação desses PTistas e seus lacaios, para demonizar nossos médicos?

Só pode ser aquela tática de colocar o bode no meio da sala , tirando a nossa atenção da essência do problema: A incomPTência do Governo PTista-sindical!

   photo _amedico01.jpg 
(Márcio Dayrell Batitucci) 

Obrigado, Dilma. Obrigado, PT! 

Ontem, durante um discurso que mais parecia ser de campanha do que de posse, a presidente Dilma fez questão de mencionar que, no governo que se inicia, o programa Mais Especialistas será a marca da sua gestão na área da saúde. Talvez isso possa explicar o que está se vendo nas redes sociais por parte dos médicos brasileiros: cada vez mais profissionais pensando e se preparando para sair do Brasil. Ninguém aguenta tanta humilhação e, a cada domingo, o Fantástico, o programa mais imundo da Rede Globo, prepara uma nova denúncia contra a classe escolhida como saco de pancadas do Partido Religião.

Nenhuma campanha, nenhuma reação do Conselho Federal de Medicina, tem capacidade suficiente para superar uma imprensa que come na mão do PT. Mesmo que os pacientes já consigam diferenciar verdade de propaganda política, não vale mais a pena ser médico no Brasil e essa espécie de êxodo que está começando conosco é só o início: não vai mais haver lugar para ninguém no Brasil que seja contra o partido. A inteligência inteira da nação vai sair daqui como fizeram os alemães que conseguiram prever o que se aproximava com a chegada de Hitler ao poder.

O PT continua batendo nos médicos. Continua perseguindo, humilhando, exonerando, abrindo processos administrativos e chamando - entre os recalcados que não conseguiram se formar em medicina - os colaboradores que estão sempre prontos a jogar um médico no fundo do poço. Ao mesmo tempo, eles petistas, continuam com suas consultas, check ups e exames no Hospital Sírio Libanês sem a menor preocupação com aquilo que está acontecendo com os pacientes do SUS.

O que mais espanta, o que mais enoja, é a incapacidade do meio médico de fazer o necessário expurgo, a verdadeira limpeza que precisa ser realizada dentro da própria classe. Ninguém se atreve a banir do convívio os médicos envolvidos com a quadrilha que governa o Brasil e está destruindo nossa profissão. Os médicos brasileiros continuam calados quando um colega é massacrado em público pelo quarto poder constitucional - a imprensa petista. Ninguém para de publicar trabalhos escritos por médicos petistas. Ninguém para de convidar médicos petistas para congressos e palestras. Essa gente continua convivendo entre nós... dirigindo sindicatos, integrando conselhos regionais de medicina, redigindo resoluções, protocolos, pareceres.. até quando, meu Deus?

Existe entre os médicos brasileiros não petistas uma necessidade assustadora de correção política.. de não parecer radical... de não lembrar aqueles que querem o regime militar, não é? Pois bem: é isso que estamos pagando! É isso que nos está destruindo dia após dia. Há médicos tão astutos e, ao mesmo tempo, tão covardes, que chegam a acusar e a apontar como petistas aqueles que pedem, que imploram por uma greve geral dos médicos brasileiros. Dizem eles, com ares de especialista no setor de inteligência, que isso é tudo que o PT quer e que isso vai jogar a população contra nós... Até quando isso vai funcionar?? Até quando vamos continuar caindo nesse tipo de papo (esse sim) característico da conversa de médico petralha??

Meus caros colegas, o Mais Especialistas vem aí....O primeiro princípio, a primeira Lei a comandar a vida de cada brasileiro identificada por Olavo de Carvalho como Meu cu acima de tudo está para ser testada. Ela definia de forma perfeita o egoísmo de cada habitante desse país e não havia classe profissional em que estivesse funcionando de maneira mais perfeita do que os médicos do Brasil. Sempre e eternamente, desde a faculdade de medicina, cada um pensando sempre no seu próprio rabo, não é? Pois é: o PT veio, nesse sentido, nos fazer um grande favor: veio para liquidar com nossa profissão e com todos nós se não houver uma resposta coordenada contra esses marginais da política.

Nesse aspecto, somos seus devedores..rss..rsss...

Obrigado, Dilma. Obrigado, PT! (Milton Simon Pires, Porto Alegre)

Nenhum comentário: