15 de fev de 2014

Entulhos e mais lixões no país...

 photo tumblr_n0zr7cP8Ua1qbxa4ho1_400.gif 
Removida delegada que apura ligação de Lula com mensalão
1) Responsável pelo inquérito que investiga a suposta participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no esquema do mensalão, a delegada Andrea Pinho foi removida do cargo nesta sexta-feira, 7. O inquérito que tem Lula como alvo será tocado por outro delegado, ainda não designado que pode pedir novas diligências ou o arquivamento do caso.
2) Pinho, que era delegada substituta da delegacia de crimes financeiros, foi transferida para a divisão de desvio de recursos públicos. Ela passará a despachar na sede da Polícia Federal em Brasília, mesmo prédio onde trabalha o diretor-geral, Leandro Daiello, que assina sua remoção, e não mais na superintendência da Polícia Federal no DF.
3) A delegada foi responsável pela Operação Miqueias que desarticulou um esquema de desvio de recursos de fundos de previdência municipais em vários Estados. Novata, Pinho foi escalada para tocar a operação de maior visibilidade no segundo semestre do ano passado, o que foi interpretado por colegas na PF como uma forma de lhe dar atribuições em meio às investigações sobre o ex-presidente Lula.
4) O inquérito sobre Lula foi aberto a partir de um novo depoimento prestado pelo operador financeiro do mensalão, o publicitário Marcos Valério, que implicou o ex-presidente e outros petistas. Revelado com exclusividade pelo jornal O Estado de S.Paulo, no depoimento Valério afirmou que Lula tinha conhecimento do esquema que resultou na condenação de 25 pessoas, entre elas José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil do governo Lula, Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, José Genoíno, ex-presidente do PT e João Paulo Cunha, ex-presidente da Câmara pelo PT. O inquérito tramita sob sigilo. (Estadão)
PPS quer Comissão Nacional da Verdade investigando ex-presidente Lula
1) O PPS enviou ofício Comissão Nacional da Verdade sugerindo que seja investigado a suposta colaboração do ex-presidente Lula com o regime militar nos anos 1980. O ex-secretário nacional de Justiça no governo Lula Romeu Tuma Júnior afirmou que Lula teria sido informante de seu pai, o ex-delegado Romeu Tuma, junto ao Dops (Departamento de Ordem Política e Social), polícia política da ditadura.
2) Na entrevista, Tuma Junior sugeriu que há documentos nos arquivos que comprovariam sua versão. Não excluo a possibilidade de algum relatório do Dops da época registrar informações atribuídas a certo informante de codinome Barba. O líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR), afirmou à comissão, em ofício, que espera que sejam tomadas as providências cabíveis para que sejam os fatos devidamente averiguados, a fim de que seja estabelecida a verdade histórica. E justificou: O Brasil precisa saber se é verdade que o ex-presidente era um informante da polícia política da ditadura militar e, ainda, com qual finalidade.
3) O PPS e o PSDB também analisam convidar Tuma Júnior a participar de um debate na Câmara no próximo dia 18. Para furar o bloqueio do governo, que não aprova o convite para que ele fale oficialmente às comissões da Casa, os partidos estudam fazer um evento paralelo no auditório da Câmara. (Folha do ES)
A petralha está por detrás das agitações.
A receita é velha, caduca, mas a corja comuno-petista ainda acredita que pode dar bons resultados. É simples: incendiar o país com manifestações violentas, pondo, em meio às manifestações do povo, incendiários pagos pela quadrilha palaciana, como a tal Sininho, bem como os idiotas que mataram o cinegrafista da Band, para promoverem quebra-quebra, provocações e atentados terroristas. Após um curto período de agitações, a quadrilha aparecer como bombeiro que chega para acabar com o fogo. E como seria esse combate ao incêndio: criando leis tipo medida provisória para acabar com as manifestações (O PT já tem na agulha alguns projetos prontos para punir com rigor o cidadão que for às ruas para protestar). É isto: eles mesmos, os facínoras governamentais, produzem o tumulto e eles mesmos criam mecanismos para contê-los. A partir daí, poderão pintar e bordar, porque ninguém mais virá às ruas para protestar em nível igual aos manifestos de junho/2013. Lá, os movimentos começaram de forma espontânea por iniciativa dos internautas. A corja apenas aproveitou, para infiltrar entre os manifestantes os seus agitadores pagos.
Brasileiros, fiquem atentos. (AC) Aqui
Em nome da democracia
1) O direito à liberdade de expressão é fundamental para a existência da democracia. Tão fundamental quanto o direito de acesso a informações confiáveis pela população. Contudo, há confusão com relação à liberdade de expressão. Recentemente, ouviu-se da apresentadora do noticiário de um canal de TV o apoio à justiça feita com as próprias mãos pela população, ou seja, o apoio ao julgamento sumário pela turba incontrolável de um suposto criminoso, com a imediata aplicação de pena. Ela argumenta que sua posição é respaldada pela liberdade de expressão.
2) Nada é dito sobre a responsabilidade no uso da liberdade de expressão. Seria um uso correto para esta liberdade, por exemplo, pregar o extermínio de grupos humanos devido à etnia, à opção sexual ou à opção religiosa? Usar este direito de forma errada é exatamente o que a apresentadora faz. Ela incita a população para a execução de crimes. O julgamento e a execução de penas, sem ser através de órgãos do Estado, por mais que este Estado esteja capturado por grupos, são crimes.
3) Um caso de manipulação das informações é os Estados Unidos serem citados frequentemente como exemplo de democracia no mundo. Eles são um país que, só agora, se esforça para ter um sistema de saúde mais próximo do universal. Assim, não pode ser considerado como exemplo de democracia. Exemplos de sistema de saúde universal, que funcionam, são os da Inglaterra e de Cuba. (Paulo Metri, Correio da Cidadania)
Frente parlamentar critica plano de expansão de gasodutos do governo
O debate promovido pela Frente Parlamentar Mista Pró-Gás Natural na última quarta-feira (12), na Câmara de Deputados, foi marcado por críticas ao novo Plano Decenal de Expansão da Malha de Transporte Dutoviário (Pemat 2012-2022), apresentado no mês passado. Parlamentares e representantes da indústria disseram que a previsão de licitação de apenas um gasoduto de 11 quilômetros até o começo de 2015 faz com que os empresários não tenham segurança para investir. (Agência Câmara)

Lula briga com Thomaz Bastos...
Tá feia a coisa. É bom saber. Vamos fazer uma campanha para dar força para o ministro Joaquim Barbosa acabar com sigilo de justiça desta vergonheira. Lula na briga com Bastos, desiste do Planalto em 2014 e se preocupa com saúde e processo por improbidade.
Pode até ser candidato ao Senado por São Paulo, para ajudar o PT a conquistar o Palácio dos Bandeirantes, mas Luiz Inácio Lula da Silva decidiu que não vai se candidatar a Presidente da República em 2014. Pretende apoiar a reeleição de Dilma Rousseff ou apostar em um poste novo - se as condições políticas permitirem. Foi o que Lula confidenciou a amigos próximos - que não conseguem guardar a língua entre os dentes nos fofoqueiros bastidores do poder em Brasília.
Lula agora tem duas preocupações imediatas com o futuro: cuidar da saúde e usar seu prestígio pessoal para evitar que pipoquem ações judiciais contra ele no pós-mensalão.O medo maior é a Ação Civil Pública (processo 0007807-08.2011.4.01.3400) que corre na 13ª Vara Federal pela improbidade administrativa de fazer um esforço de propaganda para o banco BMG endividar aposentados e pensionistas do INSS. O humor de Lula anda péssimo e gerando atritos com amigos e aliados que entendem a delicada situação dele.
Recentemente, ao se desentender com o criminalista Márcio Thomaz Bastos, o ex-presidente resolveu condenar seu ex-ministro da Justiça pela atuação em defesa de réus da Ação Penal 470. Bastos teve de aturar Lula reclamar que o advogado não devia ter aceitado participar diretamente da causa. Motivo: a marca Lula ficou atrelada ao nome do defensor. A ríspida conversa abalou o cordial relacionamento entre os dois.
Lula somatiza o Mensalão.
O problema mexe com seu ânimo e afeta sua resistência física. As derrotas no STF - principalmente com as condenações dos companheiros Zés (Dirceu e Genoíno) - o abalaram emocionalmente. A tensão permanente, que alternou raiva e depressão, prejudicou o tratamento de Lula contra os efeitos colaterais provocados pela pesada quimio e radioterapia que extirparam o tumor maligno em sua laringe.
O processo contra Lula é sério. O ex-presidente foi autuado no dia 31/01/2011 pelo juiz Paulo Cesar Lopes, mas o caso ficou abafado até recentemente. Na ação civil pública por dano ao erário e improbidade administrativa, Lula e seu ex-ministro da Previdência, Amir Francisco Lando são processados a pedido do Ministério Público Federal, em Brasília. O curioso é que, na tela de acesso ao processo, o nome de Lula está escrito erradamente. Lá aparece Luis com S e não com Z.
Grafia equivocada à parte, a procuradora Luciana Loureiro de Oliveira pede que, condenados, os réus devolvam aos cofres públicos o montante de R$ 9.526.070,64 gastos com as cartinhas enviadas aos aposentados e pensionistas do INSS, convidando-os a fazer crédito consignado com o banco BMG - citado no processo do Mensalão. O andamento do processo pode ser acompanhado aqui.
Sem foro privilegiado para prolongar a costumeira impunidade, além deste processo, Lula corre risco de sofrer danos em outra ação parecida. Tudo vai depender da sede de Justiça do presidente do Supremo Tribunal Federal. Joaquim Barbosa pode retirar o estranho segredo de Justiça sobre o Processo Investigatório 2.474. Os 77 volumes em sigilo apuram as supostas irregularidades no convênio entre o Banco BMG e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), com a participação da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev), para a operacionalização de crédito consignado a beneficiários e pensionistas. O caso dormita blindado, desde 2007, no Supremo.
Por isso, de pouco adiantam manobras de ilusionismo como a feita numa terça-feira, durante indigesto jantar de Dilma com ministros, senadores e deputados do PT e do PMDB, no Palácio da Alvorada. Alegar que nunca esteve com esse cidadão (Marcos Valério) é chover no molhado. Embora vá morrer dizendo o contrário, Lula tem medo de uma reviravolta conjuntural que o leve às barras dos tribunais. O risco é mais real que nunca, embora, no Brasil, a pizza sempre seja saboreada no final das contas...
A sorte de Lula é que a cúpula da oposição insiste em poupá-lo. As presidências do PSDB e DEM reprovam o pedido de investigação contra Lula feito pelo presidente do PPS, Roberto Freire, e mais três senadores tucanos independentes. O procurador-geral da República, tem o dever de abrir inquérito para investigar se Lula participou do mensalão - conforme recentes insinuações do condenado operador -publicitário do esquema, Marcos Valério Fernandes de Souza.
Sem se falar da viagem com que fins da ex-primeira dama ao Panamá.
E na hora que a investigação dos R$25.000.000,00 que a Rosemary desembarcou em Portugal em mala diplomática aí vai explodir tudo de uma vez! Pra quem foi a grana? Foi depositada em que conta? O Governo português já confirma a entrada do dinheiro. Lula tem o monossílabo no ponto! (AD)

 Parábola... Para pensar
Navegavam há meses e os marujos não tomavam banho nem trocavam de roupa. O que não era novidade na Marinha Mercante Britânica, mas o navio fedia!
O Capitão chama então o Imediato: - Mr. Simpson, o navio fede, mande os homens trocarem de roupa!
Responde o Imediato: - Yes.....Yes, Sir...
Parte para reunir os seus homens e diz: - Marujos!, o Capitão está se queixando do fedor a bordo e manda todos trocarem de roupa.
- David troque a camisa com John, John troque a sua com Peter, Peter troque a sua com Alfred, Alfred troque a sua com Jonathan ... e assim por diante prosseguiu.
Quando todos tinham feito as devidas trocas, volta ao Capitão e diz: - Sir, todos já trocaram de roupa.
O Capitão, visivelmente aliviado, manda então prosseguir a viagem...
É mais ou menos isso que vai acontecer no Brasil nas próximas eleições... Se você deixar!

Não é a política que faz o candidato virar ladrão. É o seu voto que faz o ladrão virar político. (AD)
Antigo esse artigo, mas vale a pena ler.
Leiam com atenção esta notável análise do populismo petralha. Embora sem os títulos acadêmicos da autora, também militei contra a ditadura militar, fui filiado ao PT (com letras maiúsculas porque, na sua origem o PT realmente se constituía na grande oportunidade histórica de se fazer política com ética pela primeira vez neste país) de 1980 a 1986. Rompi com o PT, portanto há quase 30 anos porque conclui que o que estava sendo construído ali era apenas mais um partido, como todos os outros. E o que, hoje constatamos facilmente, depois de 12 anos, é que ele é muito pior do que todos os outros, exatamente pelo que representava na sua origem. (Pedro Chacon, julho 2013)
Resposta a uma petista alienada...
Uma mãe mandou para a filha um e-mail sobre o passado negro da Dilma.
A filha repassou o e-mail para seus amigos, que por sua vez o repassaram para amigos. Aí, uma petista chamada Ligia, se achou no direito de dar uma lição de moral na mãe.
Vale a pena ler as mensagens trocadas.
Da Lígia Petista para a mãe: - "Mamãe, que feio!... ensinando a sua filhinha a acreditar nos absurdos que escrevem na internet?
Acho melhor incentivá-la a estudar a História do Brasil e deixar que ela mesma tire as suas próprias conclusões, afinal quem estudar a História do Brasil, entenderá que nunca o nosso país esteve tão bem como hoje, tão forte na economia mundial, tão evidente, tão em crescimento e desenvolvimento quanto esteve nesses 8 anos de governo Lula! E agora o que acontece?
Acontece que a oposição está desesperada, porque está vendo o quanto o povo está satisfeito (governo Lula tem 88% de aprovação da população, aprovação que nenhum governo nunca tinha tido antes na história e aí vem me dizer que é porque o povo é ignorante?
Não, não meus queridos, o povo está satisfeito porque nunca teve tanta oportunidade, nunca teve tanta comida na mesa, nunca teve tanto emprego, isso sim! o quanto o Brasil cresceu e aí a única alternativa que resta é apelar… Apelar para a ignorância, para a mentira e para a ingenuidade de pessoas inocentes e que acreditam em todos os absurdos que circulam por aí… então fica a minha dica: pesquisem! Vejam o que realmente é verdade! (Ligia Rodrigues)
Ao que a mãe respondeu:
"Cara Ligia: Da educação da minha filha cuido eu e decididamente não preciso da sua ajuda, embora agradeça seu interesse. Se você imagina que eu seja alguma semialfabetizada, desconhecedora da história e que me socorra apenas da Internet, para compor a minha (in)formação, como lamentável e invariavelmente procede a maciça maioria dos jovens da sua geração, saiba que sou do tempo em que se liam livros e se redigia em bom português.
Tenho 58 anos, sou mestre e doutora em Direito Ambiental pela PUC-São Paulo, professora universitária e brasileira que lê.
Porque leio, tenho a nítida compreensão do embuste que representam os tais 80% de popularidade disto que você chama de presidente e que eu prefiro chamar de populista barato, parte de uma corja que tomou de assalto este país, no maior estelionato eleitoral já visto na história brasileira.
Estelionato, porque esta malta petista se elegeu sob as vestes imaculadas da correção, da ética e da transparência na política.
Vendeu produto podre, cara Lígia.
E você, consumidora desavisada, está comprando. Todos que fomos formados na hostes da esquerda brasileira, da década de 60 e 70, os que lutaram contra a ditadura (você seguramente não viveu o período sinistro da ditadura), dando a cara para a polícia militar bater, não raro comprometendo vidas profissionais em razão de envolvimentos políticos, em nome da restauração da democracia neste país, sentem-se ludibriados, enganados e feitos de palhaços pelo PT de hoje.
Eu, que já fui eleitora de José Dirceu, sou obrigada a assistir cenas explícitas de sua competente coordenação na montagem do mensalão, um deslavado programa de compra de apoio de parlamentares, cuja tarefa, em contrapartida ao dinheiro (seu e meu) que receberam mensalmente do PT, era invariavelmente votar a favor de tudo que se lhes fosse requisitado.
Saiba que aí começam os 80% da popularidade do seu presidente.
E Lula, que sempre dormiu dentro do pijama de José Dirceu, nunca soube de nada... Eleitora de José Genoíno que também já fui, igualmente, sou também obrigada a assistir cenas explícitas de suas atividades como gerente do mensalão, como chefe dessa organização criminosa que se instalou no poder, sob a batuta beneplácito e complacência de Lula, para quem tudo se passa, como se nada se passasse (até porque Lula já resolveu a situação econômica até a quinta geração de seus descendentes, através da fortuna amealhada por seu filho, um ex-vigia de um zoológico no interior São Paulo e hoje trilhardário,- dificilmente em razão de seu trabalho e sua competência...).
Dólares na cueca, Waldomiros... a lista é infindável.
Mas, o mais monumental e ousado estelionato perpetrado contra a população deste país pela malta petista, está no golpe de mestre engendrado para viabilizar a reeleição de Lula: tomar dinheiro público, do erário, portanto, seu e meu, e distribuí-lo aos borbotões para a sofrida população carente do norte e nordeste, literalmente comprando o voto desses coitados (cada bolsa-alguma-coisa rende, por baixo, 6 votos, que é o tamanho de uma família média do norte e nordeste).
Então, faça as contas e veja de onde vem a popularidade de seu presidente: maciçamente oriunda da adesão incondicional desses coitados, que não têm a menor ideia e nem sabem do que há embutido no dinheiro que recebem. Se eu fosse eles, tampouco quereria saber.
Como não sou, sei: o PT copiou o projeto original de redistribuição de renda, concebido e operacionalizado inicialmente em Brasília, mudou o nome do programa como se cria sua fosse e, em mais um de seus estelionatos, assumiu a paternidade do programa, sem nunca ter tido a decência de dar crédito ao governo anterior - FHC e Dona Ruth Cardoso (primeira Dama de verdade! ) que o concebeu e implantou.
Com a abissal diferença, porém. O projeto original era vinculado a contrapartidas, como pré-requisito para a concessão da bolsa. Isto se chama investimento público e não aleluia com dinheiro público, distribuído obedecendo ao único e exclusivo critério de que cada bolsa-alguma-coisa, rende, como rendeu na reeleição de Lula, no mínimo, 6 votos. Então, Lígia, saiba que a popularidade desse presidente que lhe representa (a você, porque a mim não representa) tem o mesmíssimo lastro, origem , natureza, perfil e formatação do apoio incondicional que Lula recebeu dos parlamentares da Câmara Federal, durante o mensalão. E o dinheiro usado nessa mera transação comercial, aferível através de matemática simples, é seu, viu?
Lula passou sua vida fazendo bravatas, como ele próprio admitiu.
Como parlamentar, teve atuação pífia. Nunca se ouviu falar de um projeto de lei de sua autoria. Claro, pouco afeito à leitura, como ele próprio afirma, dele não se esperaria nada diferente.
Como presidente, sem a menor afinidade com a rotina e a disciplina inerentes ao expediente, gastou seu tempo - à guisa de entabular negócios com outros países - literalmente rodando mundo, fazendo propaganda de si próprio, como o coitado(!) que deu duro e venceu.
Saiba que Europeu e americano amam o exotismo dos países periféricos (candomblé, mulher pelada no carnaval, favela etc.).
Digo isto porque morei um ano nos E.U. em intercâmbio quando jovem, estudei Direito Internacional Público na Universidade de Edimburgo na Escócia, durante minha época de graduação em Direito, e lecionei por 7 verões consecutivos Direito Ambiental Brasileiro na graduação e no Mestrado da Universidade de Louvain, na Bélgica.
Portanto, manjo bem o espírito com que europeus e americanos vêm o Brasil e a figura exótica de seu presidente. Pergunte se eles elegem populistas e políticos que mal sabem ler e escrever... Seu presidente, semi-alfabetizado que é (e isto é uma vergonha sim senhora!, para uma criatura que se dispôs a representar os brasileiros. Não obstante, ele carrega sua falta de estudo como um troféu). Nós merecíamos, no mínimo, que ele tivesse se dado ao trabalho de dominar as regras básicas da língua portuguesa, porque teve sim chance, teve sim, tempo e teve sim, condições de estudar, se tivesse menos preguiça e aptidão que não tem, para a disciplina inerente a qualquer atividade de aprendizado.
Marina, por exemplo, alfabetizou-se aos 16 anos. Teve vida incomensuravelmente mais sofrida do que a de Lula e não envergonhou a ninguém como parlamentar e ministra que foi, e jamais vociferou discursos na base do menas gente e entendo de que....
Palanqueiro, demagogo, populista admirador das pataquadas de Chaves, de Ahmadinejad et caterva, seu presidente semi-alfabetizado confunde prisioneiro político com prisioneiro comum, como o fez, para a imprensa internacional, no episódio de Cuba (você se lembra, do prisioneiro político cubano que morreu em greve de fome exatamente no dia em que Lula chegou a Cuba, episódio sobre o qual seu presidente, no melhor estilo Odorico Paraguaçu, declarou: se a moda pega, as cadeias brasileiras ficariam vazias!!!!?). Sem comentários.
Enquanto o mundo se empenha para banir a ameaça nuclear, seu presidente cruza o planeta com sua troupe, às custas de dinheiro público, para passar a mão na cabeça de um ditador sanguinário (vide dados recentes acerca das eleições e repressão à oposição no Irã) e negociar, sem ter mandato da comunidade internacional para isto, exatamente no papel de bobo da corte (foi assim que a comunidade internacional interpretou sua atuação no episódio) em torno do enriquecimento do urânio no Irã. No dia seguinte ao tal acordo, que Lula festejou para a imprensa internacional como um feito monumental, o ditador do Irã confirma para essa mesma imprensa, que vai continuar enriquecendo urânio sim!!! como se Lula sequer lá tivesse estado. Bem feito!
É isto que acontece quando se tem para conselheiro em política internacional especialista do calibre de um Marco Aurélio top top Garcia (lembra-se da comemoração furtivamente filmada no interior do Palácio do Planalto, assim que o jornal da Globo noticiou que o acidente da TAM se dera em razão de falha humana e não em razão das condições da pista de Congonhas?).
Melhor teria sido até que as famílias das vítimas não tivessem testemunhado essa cena no Palácio, por parte de um assessor tão próximo do presidente).
Escárnio, em nome de ganho político a qualquer preço. Esta é a política do PT atual, eleito com as vestais imaculadas da correção e da ética que vendeu e você comprou.
Não satisfeito, obtuso por desconhecimento da história, seu presidente se arvora de vírus da paz, no conflito do Oriente Médio que é bíblico (sabe o que significa isto?). O mundo e a ONU se empenham décadas tentando compor este conflito de interesses que já produziu um número incalculável de mortes. Lula achou que ele era o cara!! É ter-se em alta conta demais, para quem seguramente sequer se debruçou sobre um manual de história geral do segundo grau.
Diz o ditado: dá-se mala para andante, já pensa que é viajante...
Alguém precisa dizer-lhe, se manca Lula!
Seu presidente tem muitas qualidades, Lígia, mas levar a sério a expressão do Obama that´s the guy (que, sem a menor dúvida, foi proferida em razão das graças e piadas que são a forma através da qual Lula se afirma, nesses reuniões políticas, nas quais depende inteiramente de alguém para traduzir o que se passa....), é muita pretensão.
Não acho que presidente brasileiro tenha por obrigação falar inglês, não. Mas, convenhamos, é uma vergonha um sujeito que sempre quis ser presidente, não ter se dado ao trabalho de estudar uma língua estrangeira, em deferência aos brasileiros, para bem representar seu país. Mas não, dá-lhe pinga, piada e futebol. É assim a metáfora que faz, de nós brasileiros no exterior.
A mim, me ofende como cidadã e me envergonha como brasileira. Ah, mas ele é super popular no exterior! É a admiração de que não precisamos.
Americanos e europeus gostariam, tenha certeza, ainda muito mais, se nosso presidente fosse o Raoni (com todo o respeito e reverência que devemos aos sobreviventes das nossas comunidades indígenas, estes sim, vítimas de uma política indigenista de extermínio perpetrada por nós brancos, ao longo de todos os governos anteriores, inclusive por este, do PT).
Eleito pela primeira vez porque significava a mudança e a ética, fez um primeiro mandato durante o qual não teve peito para implementar nada do que apregoou durante a campanha.
Literalmente deu continuidade às iniciativas do governo Fernando Henrique, pelando-se de medo da inflação voltar e não ter a envergadura que teve Fernando Henrique, como estadista que foi, de aniquilar uma inflação que já estava no DNA dos brasileiros, de tão endêmica e embutida na psiquê do brasileiro.
Descobriu, depois da posse, que os rumos do governo não poderiam nem deveriam ser diferentes daqueles adotados no governo anterior.
Mas achou forma de faturar”em cima do mérito alheiro. Até os índices positivos de safras de grãos recordes, obviamente fruto de políticas agrícolas do período anterior, foram colhidos e computados pela máquina publicitária do governo petista como se fossem fruto do governo que mal iniciara...
Saiba que o que a máquina de propaganda deste governo apelidou de herança maldita, foram os acertos dos governos anteriores que caíram no colo de Lula, ou alguém tem a ilusão de que implantação de políticas, de infraestrutura etc... rendem respostas no dia seguinte em que são implantadas...
A crise internacional, que se festeja não ter chegado no Brasil, realmente não faz grandes marolas em um país que tem uma monumental parte da sua economia no plano informal, longe dos números oficiais.
Este país anda, Lígia, com Lula, sem Lula ou com cover de Lula.
Não é ele o artífice de nenhuma proeza política. É, sim, o artífice de uma monumental máquina de propaganda governamental, isto sim, sem precedentes na história deste país.
Aliás, nem acredito que o mérito seja dele, porque ele é apenas a marionete à frente da cortina nesse teatro, por ser palanqueiro e empolgar a massa como Goebels fez no Alemanha nazista e menos votados como Jânio Quadros e Collor fizeram no Brasil.
Deu no que deu, se você conhece História. Na era da televisão, usando dinheiro público na manutenção do circo, vende o produto Lula deslavadamente na embalagem que quer (vide esse programa virtual, que é mera versão e não fato, chamada PAC) para uma população infelizmente consumidora de novelas na telinha.
A maciça maioria da nossa população não lê jornais. Ou você acha que é mera coincidência que ele não se elegeu nos estados de sul e sudeste, onde os índices de analfabetismo são muito menos drásticos.
Lula é produto da desinformação e do analfabetismo de um lado e, de outro, do oportunismo de segmentos que viram no governo Lula a chance de se candidatar a uma das tetas dentre as inumeráveis (vide o número de ministérios que criou, para manter com o seu dinheiro) para, na base do clientelismo, perpetuar-se nas benesses do poder e usufruir das mamatas que sobejamente conhecemos. A próxima mamata para os petistas é a nova estatal criada para cuidar do pré-sal.
Aguarde para ver o número de cabides de emprego para acomodar petistas que serão criados. Ah, sempre foi assim? Ah bom, pensei que o PT durante 20 anos pregando o contrário, fosse o partido da ética e de políticos honestos, porque foi isto que venderam a mim e à população brasileira...!!? Era bravata? Ah bom. Então tá.
Em tempo: assine um jornal. Se há alguém mal informado aqui, talvez não seja exatamente a minha pessoa. (Maria Luisa Faro)"
Não reeleja nenhum político, eleja sempre os novos candidatos. Não dê tempo deles organizarem quadrilhas que assaltam o erário e deixam o país sem saúde, educação e segurança. Vamos sempre renovar os políticos, os novos veem na maioria das vezes com grandes ideias, Muda Brasil!

2 comentários:

Anônimo disse...

Que pena eu não ser brasileiro para poder votar em Dilma e no PT que estão acabando com a ditadura dos coronéis e do FHC e da TV Globo mais os Civitas que roubaram e exploraram o povo transferindo dinheiro ilegal para a Suiça.

Anônimo disse...

Que pena eu não ser brasileiro para poder votar em Dilma e no PT que estão acabando com a ditadura dos coronéis e do FHC e da TV Globo mais os Civitas que roubaram e exploraram o povo transferindo dinheiro ilegal para a Suiça.