15 de dez de 2013

Sem Airbag e ABS o Brasil avança nos desvios...

 photo _asapatinhos.jpg
Haddad diz não ter arrependimentos e que espera julgamento das urnas. A lua de mel entre a população e o prefeito Fernando Haddad já era. Falavam que duraria um ano. Em 2013, quem foi eleito teve três, quatro meses de lua de mel. Foi um ano atípico. A declaração surgiu durante entrevista na última terça-feira, no edifício Matarazzo, sede da prefeitura, centro. 

Infraero registra 150 voos atrasados no 1º sábado da Operação Fim de Ano. 

Dilma torra r$ 14,4 milhões na construção do Museu do Lula em São Bernardo, São Paulo. 

Morre coronel da reserva da Polícia Militar de São Paulo Luiz Nakaharada na noite deste sábado em sua residência em Pirituba, bairro da Zona Noroeste da capital paulista. Foi um dos acusados de mortes no Massacre do Carandiru. 

Após mortes, Ministério Público do Trabalho pede interdição de obras na Arena da Amazônia. 

Dados do plano de saúde da instituição foram alterados e, assim, a suprema corte recebeu mais do que deveria em repasses federais nos últimos três anos; em vez dos verdadeiros 4,2 mil beneficiários, o Supremo Tribunal Federal informou ao Ministério do Planejamento números 50% maiores, entre 6,1 mil e 6,7 mil; nos últimos três anos, foram repassados, em média, R$ 15 milhões a cada ano ao STF-Med; sem os fantasmas, o gasto médio com o plano seria de R$ 9,4 milhões; ou seja: a diferença acumulada soma quase R$ 16,8 milhões; Joaquim Barbosa promete, agora, corrigir o erro. 

A jornalista Eliane Cantanhêde critica a cocaína de Lula contra o PSDB. Segundo a jornalista, o ex-presidente foi indigno e desferiu um golpe abaixo da cintura, ao criticar a imprensa, quando comparou o destaque dado ao emprego de José Dirceu e aos 450 quilos de cocaína encontrados no helicóptero da família Perrella; segundo Eliane, Perrella é inocente e não há nada que o vincule ao PSDB ou ao presidenciável Aécio Neves. 

O deputado Romário denunciou a armação para anistiar 3 bilhões de dívidas de clubes de futebol para com o governo. Afinal, pra que serve? 

“Abordarei fato recente que achei por bem não comentar, contudo, a indignação não passa, e reformulei meu pensamento. Não sei quem, mas alguém divulgou a dieta prescrita por meus médicos não para informar, mas pra me ridicularizar. Quando alguém recebe uma dieta significa que vai comer tudo que ali está ou a mesma serve de parâmetro, de guia? Pois divulgaram o tal salmão defumado (que eu nem como) e a tal geleia "real" apenas, com o intuito de desqualificar meu pedido de prisão domiciliar. É pra isso que serve a liberdade de imprensa? Não creio.” (Roberto Jefferson) 

PT barra movimento para anular condenações. Corrente majoritária, CNB impediu a obrigatoriedade do partido lançar oficialmente uma mobilização pela revisão do julgamento da Ação Penal 470, o chamado mensalão, que resultou nas prisões de José Dirceu, José Genoino e Delúbio Soares; argumento é de que a oposição usaria o episódio na campanha eleitoral, prejudicando a reeleição da presidente Dilma Rousseff. 

Tuminha agora dispara contra Thomaz Bastos - Ex-secretário Nacional de Justiça, Romeu Tuma Júnior acusa o ex-ministro da Justiça, Marcio Thomaz Bastos, de proteger e evitar a prisão do bilionário russo Boris Berezovsky, que era procurado pela Interpol; Você não pode mexer com essa pessoa, teria dito ao próprio Tuminha o ex-ministro; policial afirma ainda que mafioso russo, morto recentemente, tinha conexões poderosas no Brasil. 

White Men Can Dance photo dance-1.gif 

Diante do banquete do mensalãozão, o mensalão foi um pic-nic.
Resumindo. A quadrilha petralha empresta grana grossa, tirada dos impostos que pagamos, para Cuba e países de ditadores africanos, com a condição de esses ditadores contratarem empresa brasileira para fazer obras que, na maioria, são feitas tipo embrulha e manda ou nem saem do papel. A grana acaba sendo distribuída para os ditadores, empresários das construções contratadas e, desses, retorna para o Brasil, para os cardeais petistas e parlamentares que aprovaram a liberação da grana. O mensalão que prendeu meia dúzia é um pic-nic diante desse mensalãozão controlada diretamente pela corja petista.
Espionagem, serve para isso !!! Entendeu porquê os Petistas estão arrancando as calças pela cabeça, por causa duzamericanus???
Espionagem dos EUA pode revelar que negócios secretos de petralhas com ditaduras escondem mensalão. A petralhada interpretou como um recado velado de que vem bomba escatológica contra Luiz Inácio Lula da Silva a publicação ontem, pelo jornal O Globo, com direito a chamada de primeira página, de um artigo do jornalista José Casado, com o título Segredos Bilionários. O texto denuncia e protesta contra o fato de o Brasil já ter dado uns US$ 6 bilhões em créditos públicos aos governos de Angola e Cuba, cujos ditadores são parceiros (ideológicos e de negócios) de empresas e pessoas ligadas ao governo petista.
O que o artigo de O Globo não pode revelar é que os negócios de Lula com Angola e Cuba já são alvo do pente fino da espionagem (ilegal ou não) norte-americana - amplamente divulgada pela imprensa. A maior suspeita dos EUA é que os recursos investidos nas ditaduras promovam uma forma refinada do Mensalão. As transnacionais brasileiras, beneficiadas lá fora com a grana secreta da corrupção, fazem o chamado draw back, às escondidas, de uma polpuda comissão do dinheiro desviado para os esquemas petralhas.
O dinheiro desviado das negociatas com ditaduras pode ser distribuído das mais variadas formas.
Diretamente lá fora, em negócios que a petralhada têm nos países beneficiados. Em algumas situações, como no caso de Angola, as comissões de corrupção são pagas com um ativo de fácil negociação no mercado internacional: diamantes. O risco que os corruptos correm é serem facilmente identificados na hora de vender as joias - geralmente negociadas em Amsterdã e Antuérpia, em operações rigidamente controladas pelos judeus.
A distribuição do dinheiro da corrupção também diretamente, em contas secretas mantidas pelos beneficiados diretos, por laranjas ou pelas empresas envolvidas em paraísos fiscais (o que é uma operação facilmente rastreável e de alto risco). Neste caso, a grana volta ao Brasil, lavadinha, disfarçada de investimentos estrangeiros diretos. Quando é internalizado no País, o mensalão é redistribuído aos esquemas de politicagem. Nada disso O Globo teve (ainda) condições de informar...
O artigo, publicado estrategicamente ontem como uma espécie de recadinho das Organizações Globo aos ataques petistas que vem sofrendo na área fiscal, aponta para o lado escandaloso das relações com Angola, de José Eduardo Santos e seus filhos: Supõe-se que a maior fatia (US$ 5 bilhões) esteja destinada ao financiamento de vendas de bens e serviços para Angola, onde três dezenas de empresas brasileiras mantêm operações. Isso deixaria o governo angolano na posição de maior beneficiário do fundo para exportações do BNDES. O restante (US$ 1 bilhão) iria para Cuba, dividido entre exportações (US$ 600 milhões) e ajuda alimentar emergencial (US$ 400 milhões).
Escandaloso é o fato de o ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, há 15 meses, ter classificado como secretos os acordos com as ditaduras, bem citadas por José Casado, de: José Eduardo Santos (Angola), Raul e Fidel Castro (Cuba), Robert Mugabe (Zimbabwe), Teodoro Obiang (Guiné Equatorial), Denis Sassou Nguesso (Congo-Brazzaville), Ali Bongo Odimba Gabão) e Omar al Bashir (Sudão). Mais grave ainda, segundo Casado, é que os brasileiros estão obrigados a esperar mais 14 anos, ou seja, até 2027 para ter o direito de saber como seu dinheiro foi usado em negócios bilionários e sigilosos. (Anselmo Cordeiro)


Mandela é enterrado em cidade natal. Ex-presidente da África do Sul e líder antiapartheid morreu aos 95 anos de complicações pulmonares; corpo foi sepultado neste domingo após cerimônia em Qunu, na província de Cabo Oriental após 10 dias de homenagens. Neta de Mandela: Sua verdadeira missão sempre foi ajudar os desfavorecidos. Zuma agradece por Mandela ser o que seu país precisou em um momento crítico. Apenas 450 pessoas participaram da última parte do funeral na região onde o líder sul-africano passou a infância; membros da tribo à qual Mandela pertencia realizariam um ritual de sacrifício animal, parte do processo de comunicação com os ancestrais, para que o espírito da pessoa descanse; antes do enterro, uma cerimônia para cerca de 4.500.


Mulheres avançam no poder na ALMatthei e Bachelet, candidatas à Presidência chilena. Chile escolhe presidente neste domingo; será um avanço concreto ou uma brecha temporária? O Chile elege uma nova presidente neste domingo - seja a socialista Michelle Bachelet ou Evelyn Matthei, de centro-direita -, que vai se somar a outras três governantes mulheres na América Latina: Dilma Rousseff, a argentina Cristina Kirchner e a costarriquenha Laura Chinchilla. Será um feito inédito: quatro mulheres governando simultaneamente. Mas cabe a pergunta: será que a presença feminina representa maturidade política ou é uma brecha momentânea na tradicional hegemonia masculina - uma concessão tácita a uma mulher quando é conveniente?
Papa responde aos críticos: não sou marxista. Em resposta às acusações, que iniciaram um debate na mídia e nos blogs mês passado, Francisco, membro da ordem dos jesuítas, associada a políticas sociais progressistas, disse que a ideologia marxista é errada, mas, na minha vida, conheci muitos marxistas que são boas pessoas, então não me sinto ofendido.
O presidente francês François Hollande foi avisado pela presidente Dilma de que o Brasil não comprará os caças Rafale, produzidos pela Dassault; o motivo: eles custam o dobro dos concorrentes sueco e americano.
Estados Unidos estudam conceder anistia a Snowden.
Ataques aéreos do exército sírio matam 36 pessoas, entre elas 15 crianças.
Parlamento do Iêmen proíbe sobrevoo de aviões não tripulados dos EUA.
Estados Unidos já redigem lei anti pornografia da vingança. No entanto, alguns especialistas são contra o julgamento de valor do estado em relação aos infratores.
UE suspende trabalhos com Ucrânia sobre acordo comercial. Diretor afirmou que as palavras e ações do presidente ucraniano sobre pacto proposto estavam cada vez mais distantes...
China usa missão na lua para reafirmar papel geopolítico. Especialistas dizem que missão serve para afirmar a força do país entre os próprios chineses e também na comunidade internacional.
Partido aceita coalização e abre caminho para 3º mandato de Angela Merkel na Alemanha. Ela assumirá na terça-feira o terceiro mandato de chanceler com um sólido respaldo parlamentar, depois que a militância social-democrata dar, neste sábado, sinal verde de forma arrasadora a uma nova grande coalizão com os conservadores. 

Nenhum comentário: