20 de set de 2013

Inconformismo do povo é grande...

 photo embargo.jpg
• Mais de 6 mil agências bancárias fecham em primeiro dia de greve. 

• Quando se lê em manchetes que só um dos 682 médicos estrangeiros foi reprovados, imagina-se que o Mais Médicos é vencedor. Mais continuemos além da manchete: O médico que foi reprovado é libanês e atuou na Ucrânia antes de vir para o Brasil. Ele iria atuar em Franco da Rocha (SP), mas foi eliminado do programa porque teve desempenho final abaixo de 30% nas avaliações; por três semanas, os profissionais tiveram aulas sobre saúde pública, com foco na organização e funcionamento do Sistema Único de Saúde e língua portuguesa e em seguida foram avaliados sobre temas. Por três semanas, os profissionais tiveram aulas sobre saúde pública, com foco na organização e funcionamento do Sistema Único de Saúde e língua portuguesa. Até agora apenas 19 médicos com diploma estrangeiro têm registro provisório. Os registros foram concedidos hoje pelo Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul. Inicialmente eles começariam a atuar no dia 17 de setembro, mas a pasta adiou para o dia 23. 

• Ausência de gigantes em leilão frustra ANP. British Petroleum, British Gas e ExxonMobil não devem participar de concorrência para explorar campo de Libra, do pré-sal; agência esperava 40 interessados mas só 11 empresas se inscreveram. EUA espionaram Petrobras, dizem papeis vazados por Snowden. Os desafios da Petrobras para se manter na liderança regional. Com lucro menor, Petrobras se afasta das gigantes de petróleo em valor de mercado. 

• Após a denúncia de que o governo norte-americano espionou suas comunicações, a Petrobras declarou nesta quarta-feira, 18, que a companhia investirá R$ 21,2 bilhões em TI e Telecomunicações no período de 2013 a 2017. Segundo a presidente da estatal, Maria das Graças Silva Foster, os investimentos demonstram a importância que a companhia confere à proteção de suas informações estratégicas. 

• Manifestantes entregam pizzas ao STF em protesto. Os dois integrantes do Movimento Novo Brasil deixaram na entrada da Corte 37 caixas de pizza com os nomes dos réus da ação penal 470; eles protestaram contra a decisão de aceitar os embargos infringentes. 

• Cadeia já será o novo embate do STF. Gilmar, Aurélio de Mello, Barbosa e Fux, ala da Corte que votou contra os embargos infringentes, já levantam coro para antecipar prisões por crimes que não podem ser contestados nos novos recursos; nessa perspectiva, por exemplo, enquanto o tribunal decide se mantém ou não a pena pelo crime de formação de quadrilha, José Dirceu poderia já ir para a cadeia em dezembro para a cumprir os 7 anos e 11 meses por corrupção em regime semiaberto; Lewandowski, Barroso, Zavascki e Tóffoli são contra; mas Rosa, Cármen e Celso de Mello ainda não definiram em qual lado vão atuar nesse confronto; E você, de que lado fica nessa nova batalha?

• Reinaldo convocou as multidões. Não é só pelos R$ 170 milhões, diz ele. Blogueiro de Veja.com publica um manifesto em que pede ao povo que tome as ruas de todo o País contra os embargos infringentes; no primeiro protesto, na Avenida Paulista, compareceram 30 pessoas; ato das pizzas, no STF, também foi pequeno; será que as massas encontrarão no neoconservador seu verdadeiro líder? 

• Sem Exxon, BP e BG, dispara alerta no megaleilão. O alerta amarelo soou no megaleilão do maior e mais promissor campo do pré-sal; por telefone, gigantes do setor, dos EUA e Inglaterra, avisam que estão fora; diretora da Agência Nacional do Petróleo, Magda Chambriard contribui para sensação de incerteza; Eu esperava 40 empresas, disse ela, lamentando a inscrição de apenas 11; no clima da espionagem que cerca o evento, qualquer palavra tem peso; resultado é importante para destino econômico do governo da presidente Dilma Rousseff; expectativa é de arrecadação de R$ 900 bilhões em contratos de longo prazo e renovações; dá para salvar? 

• Ministério do Trabalho tem elo com 20 ONGs irregulares, diz CGU. 

• Assassino de Dorothy Stang pega 30 anos. A Justiça do Pará condenou, no fim desta noite de ontem, o fazendeiro Vitalmiro Bastos de Moura, o Bida, a 30 anos de prisão, inicialmente em regime fechado, pela morte da missionária Dorothy Stang, na qualidade de coautor e mandante do crime; Dorothy Stang foi morta a tiros no município de Anapu, no sudoeste paraense, em 12 de fevereiro de 2005, porque defendia a implantação de assentamentos para trabalhadores rurais em terras públicas. 

• Empresas se explicam para governo após fiasco de leilão. Medo de fracasso deve adiar leilão de ferrovia para 2014. As cinco maiores empreiteiras do país - Odebrecht, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, OAS e Queiroz Galvão - que também se encontraram com representantes do Ministério da Fazenda. Em reunião de emergência anteontem com a Casa Civil para tentar desanuviar o clima de desconfiança mútua entre governo e empresários e evitar o travamento do programa de concessão de rodovias. 

• Globo perde recurso no caso de sonegação. Globo é acusada de sonegar R$ 713 milhões ao Fisco federal, por mudanças suspeitas na formação societária das empresas do grupo; Conselho Administrativo de Recursos Fiscais do Ministério da Fazenda rejeitou argumentos contra autuação da Receita Federal; segundo o blog O Cafezinho, a Rede Globo disfarçou a compra dos direitos de transmissão dos jogos da Copa do Mundo de 2002 como investimentos em participação societária no exterior; desde que a sonegação se tornou pública, em meio a onda de protestos que ocorreram no Brasil, a emissora se tornou um dos alvos dos manifestantes, que chegaram a jogar até fezes em uma das sedes da TV.

• Guerra: sem prisões, dá até vontade de desistir. Ex-presidente do PSDB, Sergio Guerra, reforça a pressão sobre o decano Celso de Mello, antes do julgamento sobre os embargos; se mensaleiro nenhum for punido, vai ser um desastre, disse ele; tucano afirmou que a população terá uma grande decepção e diz que até ele tem repensado sobre se vale ou não atuar na vida pública. 

• A droga mais bomba: Nova droga com heroína, maconha e veneno de rato. Na África do Sul, Nyaope é fumada em cigarros à base de maconha. 

Um homem sem-teto americano recebeu doações de mais de US$ 120 mil (equivalente a R$ 263 mil) após devolver ao dono uma bolsa que encontrou com US$ 42 mil (R$ 92 mil). Glenn James, de 54 anos, é um ex-funcionário de um tribunal de Boston, mas estava sem- teto desde 2005, vive nas ruas de Boston, alertou a polícia após encontrar a bolsa com dinheiro em espécie e cheques de viagem no último fim de semana, e o dono foi localizado. O homem, Ethan Whittington, de 27 anos, quer agora encontrar James para entregar o dinheiro, doado por pessoas de todo o país. Whittington, que vive em Midlothian, no Estado da Virginia, se disse estupefato com o gesto de James, considerando a situação em que ele se encontra. Em conversa telefônica com Whittington, ele agradeceu a bondade do desconhecido. Essas doações vão me ajudar a recomeçar minha vida, disse ele. Em resposta, Whittington afirmou que James é que merecia agradecimentos. Você reacendeu minha fé na humanidade e nos Estados Unidos, cara, disse ele. James afirmou que nunca teria ficado com nem um centavo do dinheiro que estava na bolsa que encontrou, mesmo que estivesse numa situação desesperadora.

Nenhum comentário: