27 de mai de 2013

No fundo, Dilma adora Eduardo Campos...

 photo _aatransformation_zpsf6fe9268.jpg
• Um ano após decisão do STF, aborto de anencéfalos esbarra em entraves. Médicos citam avanços desde autorização pelo STF, mas ainda há desinformação sobre o tema; religiosos criticam duramente a medida. É muito difícil saber que o filho na sua barriga vai morrer. Maioria dos projetos legislativos defende restrições ao aborto. 

• Maior renda não erradicou miséria social - O governo Dilma Rousseff melhorou a renda dos pobres, mas não solucionou seus níveis miseráveis de acesso a emprego e educação. É o que revela um indicador que o próprio governo federal usa para analisar a pobreza no país, cuja base de dados de dezembro de 2012 a Folha obteve por meio da Lei de Acesso à Informação. 

• Roberto Civita, presidente do Grupo Abril, morre em São Paulo aos 76 anos, devido à falência de múltiplos órgãos, depois de três meses internado para a correção de um aneurisma abdominal. Reservado e reflexivo, Roberto Civita conseguiu dar forma às ideias do pai. Corpo será velado e cremado na Grande SP.


• O ministro Paulo Bernardo (Comunicações) concentrou a liberação de retransmissoras de TV no Paraná - reduto eleitoral dele e de sua mulher, Gleisi Hoffmann (Casa Civil), que deve disputar o governo pelo PT em 2014. As retransmissoras veiculam a programação de geradoras, como Globo e SBT, em municípios onde não chega o sinal dessas empresas. (Folha) 

• Prefeito Eduardo Paes após ser xingado se envolve em briga em restaurante no Rio. Após agredir músico, prefeito pede desculpas. 

• Boeing da FAB, com 143 pessoas a bordo, sai da pista durante decolagem no Haiti. 

• A vitória nas 500 Milhas de Indianápolis, prova mais tradicional do automobilismo americano, ficará marcada na carreira de Tony Kanaan. Muito emocionado, o piloto da KV Racing vibrou bastante após conquistar seu primeiro triunfo na prova em sua 12ª participação, na Fórmula Indy.


• Colômbia e Farc chegam a acordo sobre questão agrária. Governo e guerrilha anunciam consenso em ponto crítico do processo de paz. Na Colômbia, política implica em violência, diz holandesa das Farc. 
• Pobreza põe em xeque futuro de brancos na África do Sul. Brancos ainda controlam economia e política do país, mas milhares deles enfrentam miséria e sobrevivem com doações. Quando os estupros vão chocar a África do Sul?
• Diálogo e tolerância são essenciais para lidar com vizinhos barulhentos. 
• Morre aos 87 anos, o artista austríaco Otto Muehl, condenado por pedofilia em 1991. Ele sofria do mal de Parkinson e tinha problemas cardíacos. 
• Terremoto de magnitude 5,6 atinge região da fronteira entre Panamá e Costa Rica.
• Ban Ki-Moon preocupado com papel do Hezbollah na Síria.
• Um atirador de elite matou hoje a jornalista síria, Yara Abbas, bastante conhecida que trabalhava para um canal de televisão pró-governo perto da fronteira sírio- libanesa. A repórter foi morta perto do aeroporto de Debaa, na província de Homs. 
• Um homem armado atirou aleatoriamente de dentro de uma picape e matou uma pessoa e feriu outras cinco, incluindo o xerife do condado de Concho, no Texas, no domingo, antes de ser morto em um tiroteio com a polícia. 
• UE precisa estar disposta a alterar embargo de armas à Síria, diz Hague. 
• Ao menos 23 pessoas foram mortas e dezenas ficaram feridas no sábado em um ataque de rebeldes maoístas contra um comboio de líderes políticos locais do Partido do Congresso, segundo um novo balanço da polícia. A emboscada foi montada em uma área arborizada na cidade de Jagdalpur, 284 km de Raipur, capital do estado de Chhattisgarh, no leste. 
• Corpo de jogadora holandesa Ingrid Visser é encontrado na Espanha após 14 dias. 
• Um pneu furado foi a causa de um acidente com ônibus e mata 16 no México. Vítimas são 14 adultos e 2 crianças. 
• Acidente em laboratório nuclear no Japão expõe funcionários a radiação. 


AVC não surge do nada, avisam especialistas
• Cerca de cinco milhões de pessoas morrem de AVC por ano, no mundo; no Brasil são por volta de 100 mil. Os números impressionam. Segundo a Organização Mundial da Saúde, mais de cinco milhões de pessoas morrem, anualmente, em decorrência do AVC (acidente vascular cerebral), também conhecido como derrame. No Brasil, este índice é de aproximadamente 100 mil casos, de acordo com dados do Ministério da Saúde. 
• Desse total, 43 mil ocorrem na região Sudeste: 21 mil em São Paulo e quase 11 mil no Rio de Janeiro. Quando não mata, o mal leva a sequelas graves que atingem em torno de 50% dos sobreviventes. Por fim, sabe-se que a doença é mais comum após os 40 anos, embora possa surgir em qualquer idade. 
• Por tudo isso, reconhecer e tratar o AVC são grandes desafios atuais no país e no mundo. O problema ocorre quando uma artéria é tapada ou obstruída ou quando se rompe um vaso sanguíneo. Diante do quadro, a parte do cérebro afetada não recebe o oxigênio necessário e neurônios começam a morrer. Perceber que o derrame está acontecendo é fundamental porque cada minuto sem tratamento significa a morte de muitos neurônios e das conexões entre eles, o que origina sequelas. 
Ele não surge do nada, geralmente é fruto de disfunções anteriores que levam ao aumento no risco de oclusão de um vaso ou seu rompimento, salienta o neurologista Leandro Teles, médico do Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo. 
• Diante da menor suspeita do distúrbio, é imprescindível, portanto, buscar ajuda médica especializada, que confirmará o diagnóstico e implementará as ações necessárias, salienta o neurocirurgião Paulo Porto de Melo, que é membro das Sociedades Brasileira e Americana de Neurocirurgia e colaborador do Departamento de Neurocirurgia da Universidade de Saint Louis (Missouri, EUA). 

Na migração...

Uma poderosa arma para as futuras eleições
• Concordo com a totalidade das afirmações contidas no vídeo recomendado. E o atual governo está apenas mantendo a situação. Alguns governos foram corruptos. Outros não a combateram devidamente. Outros, ainda, nem a combateram. Cabe ao povo aprender a escolher bem pois se, de um lado, temos grandes ladrões entre os sindicalistas, de outro, aparece um pré-candidato à presidência que se recusa a soprar no bafômetro, um ex-presidente deposto, senador, presidente de importante comissão no Senado Federal, um deputado, declarado racista com base na Bíblia, presidindo a comissão de direitos humanos e um ex-presidente que comprou sua reeleição e, agora, prega a legalização das drogas para um povo culturalmente despreparado. 
• Passo 1 - Assista ao curto e valioso vídeo abaixo, que apresenta de forma muito didática como se processa a vergonhosa e absurda captação de impostos no Brasil. Imagine o volume arrecadado! E mesmo assim um país tão precário em saúde, educação, saneamento, transportes e tantas coisas mais. O vídeo explica o porquê! 
• Passo 2 – Entre site e conheça a poderosa arma elaborada para que possamos votar com mais consciência nas futuras eleições. 
• Importante que todos divulguem este site para o máximo de pessoas possível, solicitando que os endereçados façam o mesmo. 
• Importante que todos registrem e guardem este site para consulta nas futuras eleições.

Se uma nação espera ser ignorante e livre ao mesmo tempo, espera ser algo que nunca existiu e que nunca existirá. (Thomas Jefferson)

Nenhum comentário: