16 de fev de 2013

Povo, Seus Direitos são bolas da vez....

 photo _aagenuf_zps2e418bee.jpgLei da Sêcanagem
• Realmente, somos agora criminosos, por tomarmos um chope com os amigos, no fim de tarde...
• Acabaram-se aqueles proveitos e positivos encontros, depois do trabalho, onde mil arestas eram acertadas e redirecionadas!
• E, em nosso caso especial - mineiros de Belzonte - como vamos viver sem poder frequentar nossos deliciosos Botecos?
• Criminosos? Quem são os verdadeiros criminosos que andam soltos por aí?...


 photo _aabafom32_zps39170141.jpgSe você for com seus filhos, noras, genros e netos almoçar fora no domingo e tomar 1 ou 2 chopps, ou 1 ou 2 copos de cerveja no almoço e for parado numa blitz, você paga uma multa de R$ 1.960,00, tem a carteira cassada por um ano, o carro apreendido e vai preso.

Se você comer 1, 2 ou 3 bombons, tomar remédio para a tosse ou tomar homeopatia e for parado numa blitz, você paga uma multa de R$ 1.960,00, tem a carteira cassada por um ano, o carro apreendido e vai preso.

No entanto, se você se drogar. Se fumar maconha, cheirar cocaína ou fumar crack, ficar doidão e for parado numa blitz, nada vai acontecer...  

O máximo que vai acontecer é você esperar o julgamento em liberdade ou se for condenado ir para o regime semi-aberto.

Já se você roubar milhões de reais do povo ou dos cofres públicos, várias coisas podem acontecer: vai passar 15 dias num resort na Bahia em companhia da amante; vai ser empossado deputado federal; vai ser eleito presidente do Senado; vai se eleger deputado ou senador; vai ser nomeado ministro ou para um alto cargo no Governo; ou até mesmo ser eleito presidente da República.

Ah! Um detalhe. Se você tiver menos de 18 anos completos, aí você roubar, assaltar, estuprar até matar, que não tem problema, você não pode ser preso porque é menor. Só não pode comer bombom, tomar xarope prá tosse ou tomar homeopatia, porque aí, se você for parado numa blitz você vai preso.

Parece piada, mas não é.

Este é o Brasil, o país da Corrupção, da Impunidade e da Incoerência.

E vivam os nossos deputados, os nossos senadores e os nossos governantes e principalmente o povo capacho que aceita tudo calado, não se revolta e ainda vota neles.
Há mais mistérios entre o céu e a Terra do que supõe a nossa vã filosofia (Sheakespeare, em Hamlet)

A primeira condição para modificar a realidade consiste em conhecê-la. (Eduardo Galeano).

O problema do mundo de hoje é que as pessoas inteligentes estão cheias de dúvidas, e as pessoas idiotas estão cheias de certeza.
(Bukowski)
Além de tudo isso, lamentavelmente, segundo dados estatísticos do IBGE/MEC há no Brasil, 110 milhões de eleitores, adultos maiores de 25 anos, que não concluíram o primário. Esperar o que, em que votam? (Márcio D Batitucci)


O tal do português
• Trocando seis por meia dúzia. 
- Por favor, gostaria de fazer minha inscrição neste Congresso. 
- Pelo seu sotaque vejo que o senhor não é brasileiro. O senhor é de onde? 
- Sou de Maputo, Moçambique. 
- Da África, né? 
- Sim, sim, da África. 
- Aqui está cheio de africanos, vindo de toda parte do mundo. 
- O mundo está cheio de africanos. 
- É verdade. 
- Se pensar bem, veremos que todos somos africanos, pois a África é o berço antropológico da humanidade ... 
- Pronto, tem uma palestra agora na sala meia oito. 
- Desculpe, qual sala? 
- Meia oito. 
- Podes escrever? 
- Não sabe o que é meia oito, sessenta e oito, assim, veja: 68. 
- Ah, entendi, meia é seis. 
- Isso mesmo, meia é seis. Mas não vá embora, só mais uma informação: a organização do Congresso está cobrando uma pequena taxa para quem quiser ficar com o material, DVD, apostilas, etc., gostaria de encomendar? 
- Quanto tenho que pagar? 
- Dez reais. Mas estrangeiros e estudantes pagam meia. 
- Hummm... que bom. Ai está, seis reais. 
- Não, o senhor paga meia. Só cinco, entende? 
- Pago meia? Só cinco? Meia é cinco? 
- Isso, meia é cinco. 
- Tá bom, meia é cinco. 
- Cuidado para não se atrasar, a palestra começa às nove e meia. 
- Então já começou, são nove e vinte. 
- Não, ainda faltam dez minutos. Como falei, só começa às nove e meia. 
- Você pode escrever aqui a hora que começa? 
- Nove e meia, assim, veja: 9h30min. 
- Ah, entendi, meia é trinta. 
- Isso, mesmo, nove e trinta. Mais uma coisa senhor, tenho aqui um folder de um hotel que está fazendo um preço especial para os congressistas, o senhor já está hospedado? 
- Sim, já estou na casa de um amigo. 
- Em que bairro. 
- Nas trinta bocas. 
- Trinta bocas? Não existe esse bairro em Fortaleza, não seria nas seis bocas?
- Isso mesmo, no bairro meia boca. 
- Não é meia boca, é um bairro nobre. 
- Então deve ser cinco bocas. 
- Não, seis bocas, entende, seis bocas. Chamam assim porque há um encontro de seis ruas, por isso seis bocas. Entendeu? 
- E há quem possa entender? (Jansen Viana, Livro Plantão da Alegria)

Residentes da região central da Rússia viram uma cena mais dramática, quando um meteorito tinha um peso de 10 toneladas colidiu com o solo próximo à cidade de Chelyabinsk.
Riscando o céu, seguido de uma grande explosão que destruiu janelas e espalhou destroços, resultando em quase 500 pessoas feridas.


... Dizem que a bebida resolve todos os problemas. Pra mim ainda não resolveu, mas eu sou brasileiro e não desisto nunca!

Um comentário:

Jansen Viana disse...

Sinto-me lisonjeado por postar meu texto, mas peço a gentileza de citar a autoria.
http://www.recantodasletras.com.br/cronicas/4001596


Grato,
Jansen Viana