23 de dez de 2012

Mais um Natal!

Photobucket
Quando criança fingia dormir pra surpreender o Papai Noel. 
De verdade, só uma vez, em menino, dei de cara com ele.
O ho, ho, ho... fez sonhar, presentes alegrar e festa animar. 
E hoje, o Natal sem mistério, me faz entristecer. 
Refugio-me, saio do social, das redes e nem telefone. 
Resta-me tevê e filmes. 
Há um misto de saudades dos meus, os natais (mesa cheia), estarmos juntos e a união. 
Hoje em mim apenas um profundo vazio. 
A ninguém isso desejo, embora mais dia menos dia, por isso milhões irão passar. 
Faltar alguém ou muitos a nossa volta, buraco negro do qual amargo na voz e lágrimas a caírem. 
Mas, batam sinos, congreguem quem vivo está, nos que acreditam até na fraternidade em seus momentos de sofrimentos.
Caiam neves pelo mundo e vivam na fantasia para que o real nunca venha entristecer. 
Feliz Natal pra vocês!
(Armando Andrade)


 
"A beleza das coisas existe no espírito de quem as contempla." (David Hume)

Nenhum comentário: