20 de nov de 2011

Meio Ambiente grita !

Petróleo
º País não é preparado para acidentes ambientais.
º Investimento em tecnologia preventiva é ínfimo, dizem especialistas.
º Plano Nacional de Contingência nunca saiu do papel.

Tudo vem na hora certa...
• É impressionante como Deus fala com a gente quando a gente mais precisa.
• Foi difícil decidir e até postar, pois todos querem oração, mas nem todos fazem oração.
• Espero ter escrito às pessoas corretas.
• Que todos os que a lerem sejam abençoados. Lembre-se de orar. É tudo que tens a fazer.
• Orar é um dos melhores presentes gratuitos que recebemos. Não há nenhum custo, somente recompensa. Garanta que irá orar, e ore acreditando que Deus responderá.....
• Que hoje se realize tudo o que você quer. Que a paz de Deus e o frescor do Espírito Santo estejam em seus pensamentos, dominem a noite em seus sonhos e estejam sobre todos os seus medos. Que Deus se manifeste de uma maneira jamais experimentada por você. Que seus desejos sejam atendidos, inclusive seus sonhos mais íntimos e suas orações sejam respondidos. Minha oração é para que você tenha Fé.
• Minha oração é para que seus espaços sejam aumentados, minha oração é pela paz, cura, saúde, felicidade, prosperidade, alegria e um verdadeiro e eterno amor a Deus.
• Espero que você sinta o mesmo!


Metáfora
• Foi.... No ventre de uma mulher grávida estavam duas criaturas conversando quando uma perguntou à outra: - Você acredita em vida após o nascimento?
• A resposta foi imediata: - Certamente. Algo tem que haver após o nascimento. Talvez estejamos aqui principalmente porque precisamos nos preparar para o que seremos mais tarde.
• - Bobagem, não há vida após o nascimento! Como seria essa vida?
• - Eu não sei exatamente, mas certamente haverá mais luz do que aqui. Talvez caminhemos com nossos próprios pés e comeremos com a boca.
• - Isso é um absurdo! Caminhar é impossível. E comer com a boca? É totalmente ridículo! O cordão umbilical é o que nos alimenta. Eu digo somente uma coisa: a vida após o nascimento é uma hipótese definitivamente excluída - o cordão umbilical é muito curto.
• - Na verdade, creio que certamente haverá algo. Talvez seja apenas um pouco diferente do que estamos habituados a ter aqui.
• - Mas ninguém veio de lá, ninguém voltou depois do nascimento. O parto apenas encerra a vida. Vida que, no fim das contas, é nada mais do que uma angústia prolongada nesta absoluta escuridão.
• - Bem, eu não sei exatamente como será depois do nascimento, mas, com certeza, veremos mamãe e ela cuidará de nós.
• - Mamãe? Você acredita em mamãe? E onde ela supostamente estaria?
• - Onde? Em tudo à nossa volta! Nela e através dela nós vivemos. Sem ela tudo isso não existiria.
• - Eu não acredito! Eu nunca vi mamãe alguma, o que comprova que mamãe não existe.
• - Bem, mas, às vezes, quando estamos em silêncio, você pode ouvi-la cantando, ou sente como ela afaga nosso mundo. Sabe? Eu penso, então, que a vida real só nos espera e que, agora, apenas estamos nos preparando para ela.…

O futuro da Europa
º Discordo apenas quando o economista fala da preocupação dos europeus com ecologia.Penso que essa deveria ser uma preocupação de todos, não apenas dos europeus, e lamento o descaso com que os chineses tratam desse tema tão relevante para a humanidade. (Luiz Sérgio)
º O que sempre pareceu óbvio agora se apresenta trágico. E a onda de ajudas do Brasil e vizinhos... como fica? E o pior que é dica de comunista!
º Opinião de um professor chinês de economia, sobre o futuro da Europa, Kuing Yamang, que viveu em França.
• A sociedade europeia está em vias de se auto-destruir. O seu modelo social é muito exigente em meios financeiros. Mas , ao mesmo tempo, os europeus não querem trabalhar. Só três coisas lhes interessam: lazer/entretenimento, ecologia e futebol na TV! Vivem, portanto, bem acima dos seus meios, porque é preciso pagar estes sonhos de miúdos...
• Os seus industriais deslocalizam-se porque não estão disponíveis para suportar o custo de trabalho na Europa, os seus impostos e taxas para financiar a sua assistência generalizada.
• Portanto endividam-se, vivem a crédito. Mas os seus filhos não poderão pagar a conta.
• Os europeus destruíram, assim, a sua qualidade de vida empobrecendo. Votam orçamentos sempre deficitários. Estão asfixiados pela dívida e não poderão honrá-la.
• Mas, para além de se endividar, têm outro vício: os seus governos sangram os contribuintes. A Europa detém o recorde mundial da pressão fiscal. É um verdadeiro inferno fiscal para aqueles que criam riqueza.
• Não compreenderam que não se produz riqueza dividindo e partilhando mas sim trabalhando. Porque quanto mais se reparte esta riqueza limitada menos há para cada um. Aqueles que produzem e criam empregos são punidos por impostos e taxas e aqueles que não trabalham são encorajados por ajudas. É uma inversão de valores.
• Portanto o seu sistema é perverso e vai implodir por esgotamento e sufocação. A deslocalização da sua capacidade produtiva provoca o abaixamento do seu nível de vida e o aumento do... da China!
• Dentro de uma ou duas gerações, nós (chineses) iremos ultrapassá-los. Eles tornar-se-ão os nossos pobres. Dar-lhes-emos sacos de arroz...
• Existe um outro cancro na Europa: existem funcionários a mais, um emprego em cada cinco. Estes funcionários são sedentos de dinheiro público, são de uma grande ineficácia, querem trabalhar o menos possível e apesar das inúmeras vantagens e direitos sociais, estão muitas vezes em greve. Mas os decisores acham que vale mais um funcionário ineficaz do que um desempregado...
Os europeus vão diretos a um muro e em alta velocidade...
"É bom ser importante, mas, importante mesmo é ser bom."

Nenhum comentário: