8 de jan de 2011

Mais um que passa

Não fosse esse tal de gregoriano, o calendário, bem que podíamos andar a viver ouvindo sons, a sonhar, que aos mais incrédulos fazem maior o palpitar do peito.
Somos um pouco de tudo, pacotes de alegrias, sofrimentos, saudades e solidão.
Mas a vida contemplativa existe é basta-nos apenas olhar a nossa volta que o silêncio deixa nossas almas alcançarem o todo do Universo.
Que bom se todo dia fosse assim!
"O destino une e separa as pessoas, mas nenhuma força é tão grande para fazer esquecer pessoas que, por algum motivo, um dia nos fizeram feliz".

Nenhum comentário: