29 de jun de 2010

Olhando o mundo da minha tela

Força G 
Satélite ajuda a criar um mapa da gravidade da Terra.

Londres veicula mapa colorido (foto acima) mostrando uma das visões mais espetaculares da Terra. É o retrato da gravidade terrestre, e indica as diferentes influências desta força nas regiões do planeta. Conhecido com geoide, o modelo define os níveis da superfície da Terra, indicando se seu sentido é "para baixo" ou "para cima". Feito pelo satélite europeu Goce, o mapa foi apresentado em um simpósio em Bergen, na Noruega. Para os cientistas, os dados no mapa poderão ajudar em diversas pesquisas, como nos estudos das alterações do clima e para entender como os oceanos movem o calor em volta da Terra.

O trabalho do satélite durou cerca de dois meses. Ao longo deste período, o Goce registrou mudanças quase imperceptíveis na força exercida pela massa planetária em diferentes regiões.

De acordo com informações da BBC, o mapa define a superfície horizontal na qual a força da gravidade ocorre de maneira perpendicular. Estas inclinações podem ser vistas em cores que marcam como os níveis divergem da forma elíptica da Terra. No Atlântico Norte, perto da Islândia, o nível se situa a cerca de 80 metros sobre a superfície da elipsoide. No Oceano Índico, esse nível está 100 metros abaixo.

Além de uma importante ferramenta para as pesquisas climáticas, o mapa fornece um sistema universal de comparação de altitudes, semelhante aos aparelhos de nivelamento usados por engenheiros. Será possível usar os dados para investigar o que acontece nas profundezas terrestres, principalmente nos locais suscetíveis a terremotos e erupções vulcânicas.

O coordenador da missão da Esa, Rune Floberghagen, disse que os dados do satélite estão trazendo novas informações sobre a África Central, os Andes, a Antártida e o Himalaia, lugares pouco acessíveis para os pesquisadores. O Goce deve ser utilizado até 2014, quando deverá sair de órbita por falta de combustível.

Quem se preocupa?
1) A emenda proposta pelo prefeito Eduardo Paes ao novo Plano Diretor da cidade, permitindo a abertura de ruas e a construção de condomínios em encostas, voltou a criar polêmica entre especialistas. Desta vez, as críticas partem do Laboratório de Geo-Hidroecologia do Departamento de Geografia da UFRJ (GeoHeco). A coordenadora do GeoHeco, Ana Luiza Coelho Netto, disse ontem que os deslizamentos provocados pelos temporais de abril mostram o quanto estão frágeis as encostas do Rio.
2) Em Pernambuco e Alagoas, 27 municípios estão em calamidade pública. Uma criança morreu em um soterramento no Recife. Nível do rio Una subiu 2 metros e transbordou, alagando Palmares, em Pernambuco. Águas interromperam trabalho de limpeza e impediram que moradores voltassem para casa. Alagoas decreta estado de emergência na saúde.
Robôs
Durante a Shanghai Expo 2010, na China, a empresa Aldebaram Robotics mostrou uma geração de dançarinos hi-tec. São 20 robôs comandados por controles remotos mostrando sincronismo.

Nenhum comentário: