30 de mai de 2014

Arapucas petistas já em pauta...

Abra o olho! Governo Dilma planeja fazer caixa com dinheiro do trabalhador Trabalhadores que ganham até dois salários mínimos e recebem o abono anual de R$ 724,00 do Tesouro podem perder esses recursos para o governo se não os resgatarem até 30 de junho próximo.
O governo da presidente Dilma Rousseff planejar se valer dos recursos do PIS para fazer caixa e quitar o superavit primário (pagamento dos juros da dívida) do ano, segundo reportagem do jornal O Globo desta sexta-feira (16).
Todos os anos, o governo federal promovia campanhas de alerta ao resgate do PIS nas agências da Caixa Econômica Federal. Este ano, porém, a campanha foi suspensa por orientação do Ministério da Fazenda, revela a reportagem.
Hoje, a soma dos recursos que ainda não foram resgatados é da ordem de R$ 1,32 bilhão: o correspondente a 1,83 milhão de beneficiários.
Segundo O Globo, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) já acionou a Caixa. O banco teria alegado não dispor de recursos suficientes para pagamento do abono. O Codefat, então, valeu-se de parte dos recursos destinados ao pagamento do seguro-desemprego para depositar os valores na Caixa Econômica.
Serviço: - Tem direito ao PIS quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos um mês do ano anterior ao pagamento. Precisa, ainda, estar inscrito no cadastro do PIS há pelo menos 5 anos.  
Duas CPI´s para Petrobras 
 photo _acpibr.jpg 

Grunhidos
Nenhum povo pode viver eternamente de esmolas. A mais covarde forma de escravidão. Esmolas por votos. E os petralhas se gabam como se fosse a suprema revolução social, e não, a submissão, a ausência de cidadania. O abastardamento da civilização.
A semiótica aplicada ao discurso de Lula obterá como resposta grunhidos, sons que nos remetem aos suínos, com todo o respeito que nos merecem estes animais.
Não é um partido, e sim uma seita acompanhada por fanáticos que não mais raciocinam. Fizessem este exercício e chegariam a conclusão que são dirigidos por um desqualificado que renega seus companheiros afirmando em Portugal, que os mensaleiros petistas (sic) não eram de sua confiança"
Como diz o ditado: quem convive com porcos come farelo.
Tem dias que a forma obedece ao estilo do apedeuta! (Carlos Vereza) 
Aquecimento global não faz sentido diz professor britânico de termodinâmica.  photo _aleswoodcoc.jpg 
Les Woodcock, professor emérito de Termodinâmica na Universidade Manchester, Grã-Bretanha, defendeu que não existem provas reproduzíveis em laboratório de que os níveis de CO2, dióxido de carbono, aumentaram no século XX.
Ele condenou o movimento verde por estar causando danos econômicos ao povo comum. A informação foi publicada no site Breitbart.
O Prof. Woodcock é autor de mais de 70 escritos acadêmicos publicados num largo espectro de jornais científicos. É membro da Royal Society of Chemistry, e entre outras coisas, editor fundador do jornal Molecular Simulation.
Ele declarou ao Yorkshire Evening Post: A expressão mudança climática não faz sentido. O clima da Terra está mudando desde tempos imemoriais. A teoria de uma mudança climática produzida pelo homem é uma hipótese insustentável segundo a qual nosso clima teria sido afetado de modo negativo pela queima de combustíveis fósseis nos últimos 100 anos, causando um aumento muito gradual da temperatura média da superfície da terra que teria consequências desastrosas.
A teoria diz que o CO2 emitido pela queima dos combustíveis fósseis produz um efeito estufa que provoca o aquecimento global. De fato, o vapor de água é um fator do efeito estufa muitíssimo mais poderoso, pois está presente 20 vezes mais na nossa atmosfera (por volta de 1% da atmosfera), enquanto o CO2 representa apenas 0,04%.
Não há evidência científica reproduzível em laboratório de que o CO2 tenha aumentado significativamente nos últimos 100 anos
E acrescentou: A temperatura da terra oscilou para cima e para baixo durante milhões de anos, e nada disso foi devido ao CO2 na atmosfera e não foi causado por nós. O aquecimento global é um nonsense.
- Então, se lá deu seca foi aquecimento global! - Não, lá deu enchente. - Tá vendo eu não te falei que era aquecimento global?!!! Enchente na região de Somerset Levels, sudoeste da Inglaterra.
Assim como os fanáticos verdes pretendem atribuir ao aquecimento global a seca de 2014 no Centro-Sul, seus congêneres ingleses lhe atribuem as enchentes nas ilhas britânicas.
Mas o Prof. Woodcock desqualificou como prova de aquecimento global as enchentes que inundaram largas partes de Grã-Bretanha neste inverno. Para ele, trata-se de afirmações anedóticas, sem sentido num ambiente científico.
Ocorrências dessas podem acontecer com frequências diversas em todas as escalas de tempo na física de um sistema tão caótico como o clima. Qualquer lugar de terras baixas pode ser inundado até certo ponto, seja dentro de um mês ou dentro de milhões de anos e isso é completamente imprevisível, para além de um limite de cinco dias.
Ele também esclareceu que, se ouvimos regularmente que climas extremos nunca vistos aconteceram desde que começaram as medições, é porque os registros começaram há apenas cem anos.
É absolutamente estúpido apontar a causa das enchentes à mudança climática, como fez recentemente nosso Primeiro Ministro. Eu não condeno os políticos neste caso, entretanto, censuro seus assim chamados conselheiros científicos.
O cientista comparou a hipótese das mudanças climáticas com o conto da carochinha da chaleira voadora.
Interrogado sobre o fato de a maioria dos cientistas, líderes políticos e figuras representativas se engajarem na teoria do aquecimento global, o especialista respondeu: A ciência não funciona assim. Se você me diz que você tem a teoria de que há uma chaleira em órbita em algum lugar entre a terra e a lua, não cabe a mim demonstrar que isso não existe, cabe a você apresentar as provas cientificamente reproduzíveis de tua teoria.
E as provas da mudança climática humanamente provocada não foram apresentadas.
Porém, esta falta de provas não impediu o aparecimento de toda uma indústria verde. E instigados por essa indústria, os governos estão passando cada vez mais leis e regulamentações que tornam a vida mais dificultosa e mais cara.
...o custo do dano causado à nossa economia pelo lobby da mudança climática está sendo infinitamente mais destrutivo para a qualidade de vida de nossos netos. Para nós, os avós, também está cada vez mais caro nos aquecermos no inverno em consequência de decisões idiotas tomadas por nossos políticos nos últimos anos, em matéria de produção verde de eletricidade.
Nesses mesmos dias, a professora Judith Curry, da Escola de Ciências Atmosféricas do Georgia Institute of Technology, declarou ter sido enganada para dar apoio ao IPCC. Ela acrescentou que, se o IPCC é um dogma, então me considerem uma herética.
Com investimento social de R$ 200 milhões, Petrobrás contribui para a construção de 20 mil cisternas no semiárido. Cerimônia realizada nesta quarta-feira (28/5), em Serrinha, na Bahia, marcou a conclusão de 20 mil sistemas de captação e armazenamento de água de chuva que integram o Programa Uma Terra, Duas Águas. A iniciativa, patrocinada pela Petrobras, foi desenvolvida pela Associação Programa Um Milhão de Cisternas, organização vinculada à Articulação do Semiarido Brasileiro (ASA).

Nenhum comentário: