12 de set de 2011

Por que estamos vazios?

Quem é você?
• Quem conhece os outros é um erudito.
• Quem se conhece, é um sábio.
• Você é alguém, pode ter certeza.
• Porque deus nunca desperdiça o seu tempo para fazer "ninguém".
• Você foi planejado para ser distinto, especial, insubstituível, e único.
• Pense nisso: Dentre os mais de 6 bilhões de pessoas nesse mundo, não há duas que sejam iguais....
• Todos somos originais!
• Mas muitos insistem em ser cópias dos outros.
• Recuse ser uma cópia.
• Avance além da média!
• Você é muito mais do que 208 ossos, 500 músculos , 7 mil nervos e alguns quilos de pele.
• Evite o mínimo, persiga o máximo.
• As pessoas que têm medo de subir mais alto em busca do triunfo, são aquelas que perderam a confiança.....
• Ou que perderam a fé na sua capacidade.
• Algumas nem percebem que têm potencial para fazer algo mais.
• Se você não se ajuda a sair do marasmo quem ajudará?
• Nem sempre dá pra fazer tudo...
• Mas (nem por isso) se recuse a fazer algo que faça a diferença...
• Não se esforce para ser aceito, mas lute para ser você mesmo.
• Quantas coisas significativas deixamos de fazer na vida por achar que é tarde demais?
• Tenha a força...
• É preciso se convencer de que o sucesso, o triunfo, está em você.

Depoimento a buscar reflexão
• Tenho 42 anos, sou gay, torcedor do cruzeiro, advogado e moro em Londres.
• Nunca sofri nenhum tipo de discriminação em virtude de minha orientação sexual.
• E como gay, penso que tenho alguma autoridade nesse assunto.
• Primeiramente - e já contrariando a turba - gostaria de expressar minha sincera simpatia pelo Deputado Bolsonaro, que no fundo deve ser uma pessoa de uma doçura ímpar, apesar de suas manifestações grosseiras e/ou politicamente incorretas.
• Mas ele está corretíssimo em suas ponderações sobre as ideais dos gays brasileiros.
• Vou direto ao assunto.
• Nunca tive problemas em ser homossexual porque sou uma pessoa comum, quase igual à vida de qualquer heterossexual.
• Esse negócio de viver a vida expressando diuturnamente sua sexualidade é uma doença.
• A sexualidade é algo que se encontra na esfera da intimidade e não diz respeito a ninguém.
• Não tenho trejeitos e não aprecio quem os tem.
• Para mim, qualquer tipo de extremo é patológico.
• Minha vida é dedicada e focada em outras coisas, principalmente o trabalho.
• Outros, como doentes que são, vivem a vida focados na sexualidade.
• O machão grosseiro e mulherengo ou a bicha louca demonstram bem estes extremos.
• Qualquer tipo de pervertido ou depravado (como a Preta Gil), o pedófilo, estão neste mesmo barco.
• Nunca fui numa parada gay e jamais irei, pois para mim aquilo é um circo de loucas horrorosas, uma apologia à bizarrice e à cocaína.
• Sejam francos e falem a verdade!
• Hoje aplaudimos o bizarro e a perversão doentia e ainda levamos nossos filhos pra assistir esses desfiles.
• Se a parada gay realmente fosse um ato político, relembrando sua real importância histórica, muita bem caberia no carnaval - abrindo o desfile das escolas de samba. Muito mais apropriado.
• Está rolando sim, um movimento das bichas enlouquecidas, no sentido de transformar o mundo num grande puteiro-hospício gay.
• Eu tenho um sobrinho de 11 anos e nunca senti a necessidade de explicar para ele que o titio é gay - isto é uma palhaçada.
• As crianças devem ser educadas no sentido de respeitar o próximo e ponto.
• Isto engloba tudo.
• Se pararmos para olhar como o mundo se encontra, temos que reconhecer que o modelo de educação que se desenvolve há décadas foi criado no sentido de deseducar e desestruturar cultural e intelectualmente as massas.
• Universidades por todo mundo vomitam milhões de pseudos-intelectuais todos os anos, mas tudo piora a cada dia e caminhamos a passos largos para o buraco.
• Todos os governos do mundo conspiram contra seus próprios cidadãos e se transformaram em grandes máfias, junto com os Bancos e as Corporações estão levando tudo, inclusive (e principalmente) nossa própria humanidade.
• A corrupção se alastra pelo globo e nunca vimos tantas guerras e descrições que vão desde o aspecto moral, até o material - a destruição de nosso próprio planeta.
• A coisa está tão feia, mas tão feia, que somente uma intervenção divina é capaz de frear nossos insanos governantes e a turba alucinada.
• E digo mais!
• A fonte desse movimento encontra-se dentro da Rede Globo, onde a viadagem anda solta, desde muito tempo atrás.
• Os maiores interessados no crescimento desse movimento gay são os diretores dessa TV desumana, a Globo, que no fundo no fundo, incita as crianças e jovens a assumirem um lado feminino, que em tese, às vezes nem existe de fato.
• Se ninguém disser um chega bem alto a essa gayzada frenética, a coisa sairá dos limites - como já está saindo.
• Essa é a expressão de milhares e milhares de pessoas, para não dizer milhões.
• Os gays precisam de amor e compreensão, não de fanatismo apregoado pelas bichas ensandecidas.

Quando um macho não aguenta mais!
• Até no Reino Animal os machos perdem a calma diante da eloquência feminina...
• Essa foto não tem preço!
Photobucket

Projeto de Lei 267/11
• A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 267/11, da deputada Cida Borghetti (PP-PR), que estabelece punições para estudantes que desrespeitarem professores ou violarem regras éticas e de comportamento de instituições de ensino.
• Em caso de descumprimento, o estudante infrator ficará sujeito a suspensão e, na hipótese de reincidência grave, encaminhamento à autoridade judiciária competente. A proposta muda o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para incluir o respeito aos códigos de ética e de conduta como responsabilidade e dever da criança e do adolescente na condição de estudante.
Indisciplina
• De acordo com a autora, a indisciplina em sala de aula tornou-se algo rotineiro nas escolas brasileiras e o número de casos de violência contra professores aumenta assustadoramente. Ela diz que, além dos episódios de violência física contra os educadores, há casos de agressões verbais, que, em muitos casos, acabam sem punição.
• O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Fonte

Descoberta japonesa
• Por que será que os países ainda não adotaram?
• Tenho certeza que todos irão achar isto fascinante! Não surpreende todos, trata-se apenas um caso de engenho japonês e perseverança.
• O que é mais importante seria o marketing e um custo muito baixo para tornar obrigatório ter um aparelho destes em cada casa.
• Melhor ainda, encontrar uma maneira de separar todas as embalagens em plástico.
• Som japonês e legendado.



"Le véritable metteur en scène de notre vie est le hasard." (Pascal Mercier)

Um comentário:

Mery disse...

Que lindo post!
Cada vez que venho aqui, fico encantada com o que leio e vejo...
Beijos, queria muito que me seguisses,Mery, deprimida..rs