26 de nov de 2015

País deve se acostumar aos turbilhões...

• Governo teme que prisão ameace votações essenciais no Congresso. Senado derrotou lobby de Renan Calheiros para fazer história. Planalto já teme não conseguir aprovar nova meta fiscal deste ano, o que o obrigaria a contingenciar nada menos do que R$ 100 bilhões até dezembro.
• Em votação aberta, Senado decide manter prisão de Delcídio do Amaral (PT-MS) que citou ministros do STF em tentativa de ação espúria junto à Justiça, diz Janot. Prisão de senador petista ameaça votações essenciais para Planalto. Governo já teme não conseguir aprovar nova meta fiscal deste ano, o que o obrigaria a contingenciar R$ 100 bilhões até dezembro. PMDB votou em peso pela prisão. Posição do PT de não apoiar senador motivou decisão de peemedebistas. Após prisão de senador do PT, Congresso está em pânico. Parlamento foi tomado por perplexidade e cálculos sobre a decisão. Em votação aberta, os senadores decidiram que Delcídio Amaral (PT) deverá ser mantido preso, confirmando a posição do Supremo Tribunal Federal - foram 59 votos para que o parlamentar continue preso e 13 para que ele fosse solto; o PSB, DEM, PSDB, PSD se colocaram a favor da prisão; Incorreríamos em péssimo exemplo para o país se decretássemos relaxamento dessa prisão, disse o senador Aloysio Nunes, líder tucano no Senado; o PMDB e o PDT liberaram as bancadas; o PT votou contra a prisão de Delcídio; Tudo que veio a público hoje é de extrema gravidade. Mas imagine se Tribunais de Justiça decidam prender deputados estaduais sem crime em flagrante?, disse o líder do PT na Casa, Humberto Costa; Renan criticou a ação do STF: Equilíbrio dos poderes não permite invasão permanente de um poder no outro
• Brasil vive nova onda de investimentos chineses. Com leilão de 29 hidrelétricas, governo levanta R$ 17 milhões.
• BTG chega a cair 40% e fecha em queda de 22%. Melhor saída para o BTG é afastar André Esteves. Um dos homens mais ricos do Brasil, o banqueiro André Esteves tem poucas horas para tomar uma decisão crucial: caso tenha sabedoria e desprendimento, ele, que está preso e foi descrito como mafioso pelo procurador-geral Rodrigo Janot, poderá se afastar completamente da atividade financeira e do BTG Pactual; assim, contribuiria para preservar seu patrimônio e dos seus clientes, uma vez que nada é tão sensível no mundo financeiro quanto a confiança; ontem, no dia de sua prisão, as ações do BTG chegaram a cair 40%, os títulos do banco desabaram nos mercados internacionais e o BTG nomeou o economista Persio Arida, ex-presidente do Banco Central durante o governo FHC, como seu presidente interino para tentar estancar o pânico; o mais sensato, no entanto, é Esteves vender todas as suas ações para os demais acionistas, evitando o agravamento da crise e o contágio financeiro; até porque ele é peça central na Sete Brasil e em negócios polêmicos da Petrobras na África. 
• Preso nesta quarta-feira na operação Lava Jato, banqueiro do BTG Pactual André Esteves disse em depoimento à Polícia Federal que esteve pessoalmente com o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) no máximo cinco vezes nos últimos doze meses; afirmou que não conhece pessoalmente Nestor Cerveró; e negou ter pago ou oferecido qualquer vantagem a ele para evitar a delação premiada. Acesso de André Esteves a delação sigilosa deixa ministros intrigados; Banqueiro liderou negócios com firmas do governo; Para mercado, crise do BTG Pactual será isolada. 
• Senador Delcídio Amaral (PT-MS) afirmou que o empresário Gregório Marin Preciado é a pessoa que está atrás do lobista e delator Fernando Baiano; ele é casado com uma prima do senador tucano José Serra; na delação, Baiano diz que Preciado teria obtido entre US$ 500 mil e US$ 700 mil para usar sua empresa para distribuir propina de US$ 15 milhões relativa à aquisição da refinaria americana de Pasadena pela Petrobras.
• Direção do PT deve se reunir na próxima semana para discutir a saída do líder do governo no Senado, Delcídio Amaral (MS), do partido; proposta é que processo de expulsão seja rápido; ontem, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, declarou que o partido não deve um gesto de solidariedade ao senador e disse estar perplexo com os fatos que ensejaram a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de ordenar a prisão do parlamentar.
• Gravação é 1º passo do acordo de delação: Ao entregar às autoridades a gravação do senador Delcídio Amaral (PT-MS) tramando contra Operação Lava Jato, Bernardo Cerveró deu grande passo para diminuir a pena do pai, Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras, preso em Curitiba. A gravação fez o Supremo Tribunal Federal mandar prender Delcídio, o banqueiro André Esteves e outros cúmplices é já é parte do acordo de delação premiada recém-assinado; Cerveró cedeu: O que a gravação revela é que Cerveró negociava de fato um acordo de delação, mas os grampeados ainda não sabiam do acordo; Sangue frio: Impressiona, na conversa com Delcídio e o advogado Sergio Barros, o sangue frio de Bernardo Cerveró, que gravava tudo. (Diário do Poder) 
• Cidades de MG e ES enfrentam grave crise de abastecimento de água. 
• Famílias se articulam para reverter ocupação de escolas. Pais se mostram preocupados com aulas; mãe de aluno liberou unidade em SP. Declaração de Herman Voorwald foi dada em defesa do polêmico processo de reorganização dos ciclos da rede estadual do governo Geraldo Alckmin (PSDB), que irá fechar 92 escolas: A minha única preocupação é que esses jovens tenham uma melhor educação. Eu tenho vergonha, enquanto secretário do Estado da Educação, dos resultados que o Estado de São Paulo, que esse país apresenta, e que o Estado de São Paulo apresenta. Não é possível que a sociedade se conforme com isso
• Dividido, BC mantém taxa básica de juros em 14,25% ao ano. Dois diretores votaram por elevar a Selic em 0,5 ponto percentual, até 14,75%. 
• Governo federal e Congresso continuam incapazes de tomar decisões relevantes na esfera econômica. 
• Empresário Sérgio Gomes da Silva, conhecido como Sombra, recebeu uma sentença de 15,6 anos de prisão em regime fechado pelos crimes de concussão e corrupção passiva no caso do assassinato do então prefeito de Santo André Celso Daniel (PT) em 2002; ele foi acusado de participar de um esquema de cobrança de propinas de empresários do setor de transportes em Santo André; também foram condenados o empresário Ronan Maria e o então secretário de Transporte e de Serviços Municipais de Santo André Klinger Luiz de Oliveira Souza. 
• Indústria eletroeletrônica demite 32,8 mil pessoas. Apenas em outubro, houve uma retração de 1,56% nos postos. 
• CBB paga gastos de mulher do presidente com patrocínio. Ex-patrocinadora da seleção cobra na Justiça uso irregular do dinheiro. 
• Em outubro de 2015, os preços da indústria variaram 1,77% em relação ao mês anterior, resultado inferior ao de setembro (2,99%). O acumulado no ano foi de 9,67%, contra 7,75% em setembro. O acumulado em 12 meses foi de 10,90%, contra 9,40% em setembro. Entre as 24 atividades das indústrias extrativas e de transformação, 17 tiveram variações positivas de preços, contra 22 no mês anterior. O Índice de Preços ao Produtor (IPP) mede a evolução dos preços de produtos na porta de fábrica, sem impostos e fretes. 
• Lula, o republicano - No 30º Congresso Nacional da Juventude do PT, o ex-presidente Lula revelou qual é seu sonho: O ideal de um partido é que ele pudesse ganhar a Presidência da República, 27 governadores, 81 senadores e 513 deputados sem se aliar a ninguém. Eis aí, sem meias-palavras, aquele que diz ter sido o mais republicano de todos os presidentes e que reiteradas vezes declara que ninguém fez mais pela democracia do que nós (os petistas) na história deste país. Não se tratou de um ato falho. A esta altura, já está claro para todos, a começar pelos próprios aliados do PT no governo, que o desejo de Lula foi, é e sempre será governar sozinho, sem ter de dar satisfação a quem quer que seja, numa negação do próprio espírito da democracia. (Estadão) 

• Presidente eleito anuncia equipe econômica na Argentina. Ministro da Fazenda fez parte da recuperação do país após crise de 2001. 
• Oposicionista é morto a tiros em comício na Venezuela. Morte de Luis Manuel Díaz foi atribuída por simpatizantes ligados ao governo. 
• Rússia e Turquia não cedem em impasse sobre avião abatido. 

Madame não sabia de nada. 
. Mais chocante, escandaloso e grave do que a prisão de Delcídio Amaral por envolvimento na roubalheira da Petrobras terá sido o convite feito e aceito por ele, meses atrás, para que assumisse a liderança do governo no Senado. Foi preso nessa condição, e o convite, feito pela presidente Dilma Rousseff.
. Como é possível que Madame não soubesse de nada? Ninguém no ministério ou na direção do PT para alertá-la do comportamento do senador? A situação fica pior pela ignorância que domina o palácio do Planalto. Por onde andava a Abin? E os companheiros?
. O envolvimento do líder do governo na aquisição da refinaria de Pasadena teria rendido a ele um milhão e meio de reais, conforme as denúncias filtradas da Operação Lava Jato. Mais ainda, pelas gravações da Polícia Federal, ele chegou a propor ao ex-diretor Cerveró, da Petrobras, uma fuga espetacular para o Paraguai, no jatinho de propriedade de um amigo. Além de 50 mil reais por mês para sua família, no período em que estivesse na cadeia.
. Por enquanto, dissolvem-se o governo e o PT como sorvete posto ao sol. Pela primeira vez na crônica parlamentar, um senador é preso no exercício do mandato, por decisão do Supremo Tribunal Federal. Mais barro vai escorregar do episódio caso a suprema corte nacional de justiça se disponha a abrir processo contra Delcídio Amaral. Se ele apelar para a delação premiada, como quase toda a quadrilha vem fazendo, como ficarão o PT e o governo? A cada dia que passa mais revelações atingem os centros do poder. A pergunta que se faz deixou de ser sobre se o país aguentará chegar a 2018 sem profundas convulsões. Chegaremos ao final do ano?
. O PT acaba de ser posto em frangalhos. O PMDB não fica muito atrás, depois dos ainda inconclusos episódios encenados pelo presidente da Câmara. A permanência de Dilma no palácio do Planalto volta a ser questionada, porque se Eduardo Cunha perder o mandato, sairá atirando. Provavelmente dará andamento ao processo de impeachment da presidente.
Contradição olímpica
. A presidente Dilma celebrou o lançamento de um programa que, para ela, destina-se a salvar empregos. O diabo é a contradição: o desemprego será combatido com a redução de salários até o limite de 30%. Quer dizer, se o trabalhador aceitar a redução, terá garantido o seu lugar. As empresas que aderirem a essa proposta ficarão impedidas de demitir. O assalariado que concordar, no entanto, precisará explicar aos filhos que vão comer 30% a menos do que comem... (Carlos Chagas)

Amigos do peito. 
Sujeito triste - O ex-presidente Lula, decididamente, (ou ironicamente) tem tudo para ser um sujeito muito triste e indignado. Até porque não deve estar sendo nada fácil para ele constatar que muitos daqueles em que confiou, se aproximou e aponta como sendo seus amigos do peito, foram e estão sendo flagrados em inúmeros e comprovados atos de corrupção
Depressivo - Só o fato de ter sido traído pelos seus mais diletos e confiáveis amigos e colaboradores, todos escolhidos a dedo, que de forma individual e coletiva trataram sempre de esconder todas as safadezas que cometeram, já é suficiente para levar o ex-presidente a um severo estado depressivo.
Dilma traíra - Vejam que até a presidente Dilma, que Lula admitiu ser um poste quando apontou como sua sucessora, resolveu dar uma de traíra ao escolher e defender a permanência do ministro Levy na pobre Pasta da Fazenda do país. 
Ministros traidores - Isto sem falar na traição que foi manifestada hoje pela maioria dos ministros do STF, que o ex-presidente também escolheu a dedo, ao aprovar a prisão do senador Delcídio Amaral, que nada mais é, ou era, do que o Líder do PT no Senado. 
Muito azarado - Ainda que outras provas de traição estejam aí prontas para serem exploradas e comprovadas, bastam estas para afirmar que Lula é um sujeito muito azarado e/ou mal sucedido na escolha de seus amigos e pessoas de confiança.
Será? - Pois, do jeito que as coisas estão sendo postas e sabidas, tudo leva a crer que Lula vai ficar só e abandonado. Entretanto, como se declara um sujeito extremamente solidário, para não ficar longe de seus amigos, e acabar de vez com a depressão, Lula vai inventar que sabia de tudo. Será? (GSPires) 
Sem a consciência limpa, a liberdade é uma utopia. (Jufras Menhal)

Nenhum comentário: