13 de ago de 2015

No caminho, havia um Renan...

 photo _a16ago.jpg • Quem vai liderar os protestos de domingo. Divisão do PSDB e sinaliza que protestos do dia 16 perderam rumo: como cresceu nos últimos dias a movimentação de vários setores da vida nacional em defesa da legalidade e da democracia, o objetivo principal dos novos protestos agora se limita a tentar influenciar as decisões dos tribunais (TCU e TSE), que julgarão as contas da campanha e do governo da presidente Dilma Rousseff, e pressionar os congressistas a abrir um_ agora cada vez mais improvável_processo de impeachment. (Ricardo Kotscho) 
• Diagnóstico foi feito pelo jornalista Ilimar Franco, principal colunista político do jornal O Globo; segundo ele, os tucanos continuam falando grosso, mas perderam a exuberância, desde que o presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), apresentou a chamada Agenda Brasil, com medidas que visam reduzir o Custo Brasil e ampliar a produtividade da economia; segundo Ilimar, tucanos não têm como dizer não à agenda, que interessa ao setor produtivo; se o fizerem, ficarão marcados como um grupo político que coloca seus interesses pessoais acima dos interesses do País; Ilimar também antecipou que a tentativa de golpe via TSE se inviabiliza com a aposentadoria de um ministro indicado pelo PSDB; "caiu a ficha", disse ao jornalista um parlamentar aecista. 
• Lula(?) quer que governo acelere acordo com empresas investigadas. Em reunião com Temer e ministros do PMDB, o petista afirmou que o Planalto não pode ficar refém dos desdobramentos operação da PF. 
• Aposentados apreensivos diz O Dia. Ministro da Fazenda, Joaquim Levy quer segurar parcela do 13º do INSS. 
• TCU engaveta investigação sobre corrupção interna. TCU dá mais 15 dias para governo explicar contas de 2014.

• Sete Brasil cobra na Justiça dinheiro de propinas. Esquema em contratos com estaleiros para fornecimento de sondas para a Petrobras envolveu um total de US$ 224 milhões; a companhia pede ainda que os três ex-executivos envolvidos, Pedro Barusco, Eduardo Musa e João Carlos Ferraz, devolvam mais de R$ 30 milhões que receberam em bônus pelas suas atividades na empresa. 
• Cadeia automotiva fechou quase 39 mil vagas no primeiro semestre. 
• Banco do Brasil lucra R$ 3 bi no 2º trimestre. Lucro líquido representou uma queda de 48,3% em relação aos R$ 5,818 bilhões registrados nos três meses anteriores; frente ao mesmo período do ano passado, o lucro cresceu 6,3%. 
• Em 2º turno, Câmara aprova doação de empresas aos partidos. Fica estabelecido que as empresas só poderão fazer doações aos partidos, enquanto que os candidatos só poderão receber doações dos seus partidos e de pessoas físicas; o texto da reforma política será agora encaminhado à apreciação do Senado Federal; a expectativa do presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e dos deputados que defendem a aprovação das regras, é que a proposta seja aprovada rapidamente para valer para as eleições municipais do ano que vem. 
• Deputados aprovam texto que prevê 30 anos de prisão para terrorista e excluem ideologia do crime. 
• China desvaloriza o yuan pelo terceiro dia consecutivo. Novo corte em relação ao dólar é de 1,11%, de acordo com a agência oficial chinesa Xinhua./ 

Concessão de visto humanitário a haitianos é prorrogada até 2016. 
. A autorização está em vigor desde janeiro de 2012 e deixaria de valer em outubro deste ano.
. Muito Estranho e sinistro. Cadê as mulheres?
. O assunto ventilado tem lógica. E é bom que seja esclarecido a tempo de evitar uma eventual catástrofe.
. Realmente, não sabemos como 20.000 haitianos em situação de miséria conseguiram dinheiro para comprar passagens aéreas para o Peru, e de lá para o Acre, e do Acre para SP. É algo que os Centros de Inteligência Militares e a Polícia Federal deveriam apurar.
. O preço mais barato encontrado para o trecho Port-au-Prince/Lima foi US$ 650.00 e para o trecho Lima/Rio Branco US$ 912.00. Somando os dois = US$ 1.562,00. Com o dólar a 2,30 = R$ 3.592,00 + a passagem Rio Branco/Guarulhos = R$ 500,00. Total: R$ 4.092,00.
. Complementando: R$ 4092,00 x 20.000 Haitianos = R$ 81.840.000,00 dos impostos pagos por nós?
. Quem pagou esta conta? Será que foi o PT? Será que vão ser naturalizados? Isso vai virar bolsa família para votar na Dilma? Será que virão para São José dos Campos e serem acolhidos pelo Prefeito Carlinhos de Almeida?
. O caso dos haitianos e o mistério de suas viagens: . O Brasil não faz divisa com o Haiti. Está até que bem longe do Haiti e jamais teve qualquer tipo de relação verdadeira.
. Até hoje ninguém entendeu porque Lula obrigou que se mantivesse uma força de paz de soldados brasileiros no Haiti, sob um custo absurdo de dinheiro dos cofres brasileiros por tanto tempo.
. Que se fizesse uma vaquinha de dinheiro de alguns países, que o Brasil participasse desta vaquinha, mas não deixar lá soldados brasileiros que não tinham a menor ideia do que faziam ali. Na época falavam em 2 bilhões de dólares de custo.
. Isto é coisa pra Estados Unidos, Rússia e Japão, não pra Brasil ficar bancando.
. Passa o tempo... . De repente começa a entrar uma quantidade enorme de 20 mil haitianos dentro do Brasil, sem documentação, sem autorização, justamente pelo estado governado pelo PT que é Acre.
. Onde estava o general Enzo, conhecido por ser comandante do Exército?
. Aliás o general Enzo já deveria ter renunciado ao cargo no dia que não teve coragem de cumprir o Regimento do Exército e tirar a medalha dada a Genoino pois pelo Regimento se algum ganhador da medalha for condenado por algo no futuro o Exército cassa a medalha.
. Pergunto de novo onde estava o general Enzo que não tomou atitude de guarda constitucional da fronteira e permitiu invasão de 20 mil haitianos que vieram de um país que não tem fronteira com o Brasil?
. Será que não funciona mais aquele serviço de inteligência do Exército que tão bem funcionava antes?
. Vamos mais longe pra cumprir o pensamento. O Haiti fica longe do Brasil. Alguém forneceu a logística pra que 20 mil haitianos viessem até a América do Sul e entrassem justo no Peru. Por que o Peru? Porque o Peru faz divisa com o estado governado pelo PT.
. Isto é matemática e inteligência de guerra que o general Enzo deveria conhecer e não demonstrou nada.
. Os Haitianos vem de longe, sem dinheiro, em logística que custa caro e alguém organizou e pagou, pra entrar na América do Sul pelo país do Peru que fica na divisa com o Acre. Lógico que o Peru não queria acolher os haitianos porque eles não tem qualificação profissional.
. Aliás a Polícia Federal descobriu que muitos tem qualificação que é serem milicianos no Haiti e formarem bando de gente fora da lei.
. O governador do Acre arrumou dinheiro pra mandar os haitianos pra São Paulo. e o prefeito de São Paulo, Haddad, do PT, já tinha todo material preparado pra acolher os haitianos colocando uma tropa de trabalhadores pra deixar em boas condições um galpão bem reformado com todas as boas condições de sobrevivência.
. Este é o mesmo prefeito do PT que deixa nas ruas sem resolver os brasileiros que não tem teto e um grande número de moradores de rua.
. Será que só eu, que não tenho curso na Escola Superior de Guerra, estou vendo toda uma trama de guerrilha arquitetada pelo PT?
. Será que apenas eu, que não sou jurista constitucionalista, vi a invasão do território nacional e de soberania permitido pelo PT?
. Será que só eu, que não sou militar, vi aquilo que o general Enzo deveria ter visto?
. Alguns vão dizer que esta linha de raciocínio é surreal. Diziam exatamente a mesma coisa quando Fidel Castro foi menosprezado e montou a invasão de Cuba com sua tropa que os cubanos consideravam irreal e absurda de existir. Na verdade são mais 20.000 a engrossar o numero de guerrilheiros que ajudarão a consolidar a ditadura comunista no Brasil que já está instalada. (Pergunto eu: os coiotes estão no governo?),
. Em tempo: só veio homem; não tem mulher no Haiti? (Pela web) 

A crise é pura consequência. 
Dedicação - Aqueles que acompanham os editoriais do Ponto Crítico sabem bem o quanto tenho me dedicado, muitas vezes de forma exaustiva e/ou até cansativa, em explicar o que é causa e o que é consequência nas propostas e decisões que acabam por promover a existência e/ou o aprofundamento das mais variadas crises. 
Escrito nas estrelas - Volto, portanto, a afirmar mais uma vez, que esta crise econômica, social e política que o país vive (ou policrise, como refere o governador paulista Geraldo Alkmin), a qual já estava escrito nas estrelas, é pura consequência de má administração pública petista. Sob todos os aspectos (técnicos e morais). 
Ataque às causas - Como os efeitos estão sendo sentidos em praticamente todas as atividades e pessoas, o que é preciso enfatizar neste momento é que a cura só será possível através de um ataque frontal às causas que levaram a esta situação. Jamais, como muita gente que não pensa está a exigir, pelo aprofundamento das consequências.
Decisão da Moody's - Usando, portanto, fatos muito recentes, a lógica do raciocínio impõe o entendimento, com absoluta clareza, de que a decisão tomada pela Moody's, agência de classificação de risco, de rebaixar o rating soberano do Brasil, de Baa2 para Baa3 (última nota dentro da faixa considerada como grau de investimento), não pode ser vista como causa dos nossos problemas.
Bloqueio de recursos - Da mesma forma é preciso salientar que a notícia que o governo do Estado do RS recebeu, ontem, da Secretaria do Tesouro Nacional, de que todos os recursos do Estado gaúcho ficarão bloqueados até que a parcela da dívida com a União, referente a julho, seja paga, conforme reza o contrato de negociação das dívidas dos Estados, também não é causa de coisa alguma.
Tudo previsto - Tais desastres terríveis, que atingem tanto o Brasil quanto o RS, como pode ser constatado por todos aqueles que resolverem consultar os artigos anteriores do Ponto Critico, verão que tudo que está acontecendo foi, exaustivamente, previsto, comentado e anunciado por este editor.
Só sabem da existência - O que mais preocupa, como saliento no início deste editorial, é que algumas autoridades, eleitas e nomeadas, apenas se deram conta dos problemas plantados e construídos por eles mesmos. Não mostram, infelizmente, preocupação em atacar as causas dos problemas que geraram a crise.
. Vejam, por exemplo, a atitude lamentável do deputado federal Perondi, que preferiu criticar o governo Federal pelo bloqueio das contas do Estado do RS. Pode? O deputado, como se vê, se nega a fazer uma leitura correta do problema. Tanto é verdade que em momento algum propôs medidas que levem a debelar as chamas deste incêndio infernal. 
. O que me entristece é que os brasileiros, e os gaúchos, depois de tantas exposições, acharam melhor ver a crise chegar, ao invés de propor medidas capazes de evitar os seus terríveis e evidentes efeitos. Pode?
Editorial do Estadão - O governo brasileiro tem pelo menos três motivos para se preocupar com a nova desvalorização da moeda chinesa, o yuan. Maior parceira comercial do Brasil, a China é também uma importante concorrente no mercado latino-americano de manufaturados. Esse é um dos principais destinos de exportação da indústria nacional.
Acorda, Dilma - A presidente Dilma Rousseff parece surda e cega. Não vendo que:
1 - 7 em cada 10 brasileiros (71%) reprovam sua atuação como presidente da República;
2 - 2 em cada 3 brasileiros (66%) apoiam a abertura de um processo de impeachment;
3 - no próximo domingo será alvo de uma manifestação monstro, de proporções inéditas, onde o povo sairá às ruas em todo o País para ilustrar com o peso de sua indignação o que contam as pesquisas de opinião. (GSpires)
"Se hoje é o dia das crianças, ontem eu disse que criança… O dia da criança é dia da mãe, do pai e das professoras, mas também é o dia dos animais, sempre que você olha uma criança, há sempre uma figura oculta, que é um cachorro atrás.” (Dilma Rousseff)

Nenhum comentário: