20 de fev de 2015

E 2015 segue como em curvas de santos...

• Dólar tem terceira alta seguida e fecha a R$ 2,866. 
• Carnaval 120 casos tem o menor número de mortes em estradas em 8 anos. Mais de 350 pessoas foram presas por dirigir embriagadas. Total de acidentes também caiu, para 2.785. 
• Ensino técnico: Mec admite atraso no Pronatec e libera r$ 119 milhões para quitação, relativo a três meses de pagamentos. 
• Imposto de Renda: Dependentes a partir de 16 anos terão de ter CPF. Dedução é de até R$ 2.156,52.
• Trocas em itinerários de ônibus e alterações em vias no Centro do Rio prometem desafiar a paciência dos cariocas - O ditado de que nada é tão ruim que não possa piorar pode se aplicar perfeitamente ao trânsito carioca. Uma nova série de interdições e mudanças nas ruas do Centro e da Zona Portuária começará a partir do dia 1º de março. Entre as principais estão o fechamento da Avenida Rodrigues Alves e a inversão de mão da Rua Sacadura Cabral, que retornará ao seu sentido original. No mesmo dia, o Túnel Rio450, que liga a Rua Primeiro de Março à Via Binário, será inaugurado, mas a própria prefeitura já avisa que não será suficiente para melhorar o tráfego, que ficará mais complicado por conta das obras do entorno. Com as alterações viárias, as rotas de 93 linhas de ônibus municipais e intermunicipais também mudarão. (Hélio Almeida, O Dia)
• Eis o oportuno comentário, cheio de indignação, feito pela advogada Magda Brossard Iolovitch, filha do ex-ministro da Justiça e ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Paulo Brossard - à indignação com a nota da OAB em defesa de José Eduardo Cardozo: Sou advogada, inscrita na OAB/RS. Votei na chapa que elegeu Cláudio Lamacchia para o Conselho Federal da OAB, depois de uma ótima gestão na OAB/RS. Lamacchia, agora Vice-Presidente da OAB nacional, assina esta nota lamentável, triste, patética. Já me manifestei a ele pelo twitter. Esta nota parte de omissões, de fatos distorcidos, para não dizer falsos. Fala nas prerrogativas dos advogados, ok. Mas aqui não se trata disso. A OAB não pode defender que um Ministro da Justiça, também advogado, receba advogados às escondidas para dizer que uma operação da PF-MPF- Poder Judiciário vai ser amolecida! Uma operação que busca enfrentar a corrupção, um mal que corrói nossas instituições! A nota da OAB trata de uma meia-verdade, e por isto é mais vergonhosa! Acrescento: meu pai, advogado formado há quase setenta anos, foi Ministro da Justiça. Jamais fez coisa semelhante. Sempre teve a noção dos deveres do cargo. Deste, e de todos os que exerceu. Nunca fez nada escondido, e sempre defendeu a coisa pública. Entrou e saiu de cabeça erguida. Estou envergonhada e constrangida pela nota da OAB, que distorce os fatos. Raymundo Faoro, colega de meu pai na Faculdade de Direito, que presidiu a OAB, também estaria envergonhado pelos rumos que tomou a entidade. (Magda Brossard Iolovitch) 
• O governo do Paraná desistiu nesta quinta (19) de propor medidas que mexeriam em direitos dos servidores públicos do Estado, mas não conseguiu por fim à greve de professores; após uma reunião de três horas com o sindicato que representa os docentes estaduais, o secretário-chefe da Casa Civil, Eduardo Sciarra, afirmou que o governo não vai propor nenhum projeto que retire benefícios ou direitos dos trabalhadores, mas sindicato quer mais garantias. 
• Épico - Presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto critica a cultura da corrupção no país e afirma ter sido procurado por várias empreiteiras que relataram dificuldades que estariam enfrentando: No caso da Lava Jato, tem a ver com as mazelas do País. Para vencer as dificuldades que a gente tem muitas vezes nas empresas, como questões burocráticas, as pessoas usam de expedientes condenáveis. No Brasil, infelizmente, é assim. Todo mundo corrompe um pouquinho. A gente tem uma cultura de comprar facilidade, que é ruim, acrescentou. 
• HSBC pode ter maior esquema de corrupção do mundo - Deputado Paulo Pimenta (PT-RS) conta que começou a apurar o escândalo na terceira semana de janeiro e que no último dia 11 entregou material sobre o caso ao ministro Cardozo, da Justiça, pedindo providências; Esse caso desnuda um pouco a hipocrisia de setores de uma suposta elite conservadora brasileira que encontra eufemismo para diferenciar roubo de sonegação, que critica o Bolsa Família, mas encontra formas de fazer seu dinheiro ir parar na Suíça para não pagar impostos, disse.
• Informação é de fontes do meio jurídico - Entre os envolvidos no esquema de corrupção da Lava Jato há ministros, senadores e deputados federais no exercício do mandato, que serão julgadas no foro dito privilegiado do STF. A lista completa de agentes políticos chegaria a 70 nomes, quando inclui políticos que não renovaram seus mandatos nas eleições passadas. Mas estes serão julgados por instâncias inferiores e não mais pelo STF, detalha a jornalista. Apresentação da lista pelo procurador geral da República deve ser feita na semana que vem ao ministro do STF Teori Zavascki; enquanto isso, a espera vem deixando congressistas com os nervos tensos, alimentando a tensão e também as especulações, tanto entre governistas como na oposição, assinala. (Tereza Cruvinel) 
• Aviso!: Comprou Dell, se acautele! 

O Sol não brilha para todos!... 
. Há anos e mais anos, todo brasileiro sabe que ...este não é um País sério... 
. Não somente nós sabemos disso, mas várias personalidades, mundo afora, já tiveram a oportunidade de se expressar formalmente sobre essa nossa realidade!
. Para exemplificar, tomei conhecimento de uma história que repasso a vocês e que representa bem essa nossa verdade: aqui, ... o sol não brilha igualmente para todos...
. Há criminosos e criminosos, foras da lei e foras da Lei... Enfim, dependendo de quem é o agente ou de quem esse agente é amigo, a Lei brasileira muda da noite para o dia...
. Vamos à história: Um grupo de jovens médicos da UFMG, contratados em regime de tempo integral com salários de não encher a bola de ninguém resolveu usar seu tempo livre (fora do horário de trabalho, à noite, aos sábados e domingos!) para engordar um pouco sua parca remuneração. Atendiam clientes nesses horários que pertenciam exclusivamente a eles e cobravam por isso, como qualquer outro profissional de medicina!
. O crime foi detectado pela Universidade, entraram MPF e Polícia Federal na jogada, os médicos criminosos foram indiciados, estão respondendo a processos, tiveram seus nomes publicados no Diário Oficial como criminosos e terão que devolver (a quem? Aos cumpañerus????), importâncias de $150.000,00 , $200.000,00 !...
. Além do castigo financeiro. Tiveram seus nomes maculados como criminosos, por terem usado sua liberdade e seu tempo livre, como lhes aprouvesse! Como faz qualquer brasileiro que vive em um País democrático!...
. Enquanto isso, no mesmo País e sob as mesmas Leis, o sr. Ministro da Justiça, um servidor no exercício formal de uma função de Estado, representando esse mesmo Estado, se reúne com os advogados de outros comprovados criminosos e lhes comunica oficialmente que ...os processos que envolvem os criminosos seus clientes, tomarão outro rumo...
. Tomarão outro rumo porque é fundamental e básico que os grandes caciques e donos desse Partido apóstata, que aí está há 13 anos, sejam blindados, esquecidos e limpos da condição de verdadeiros criminosos como o são efetivamente...
. E, então: que País é este, em que as Leis só valem para alguns e não atingem os amigos dos amigos?
. Enquanto tivermos por aqui jovens criminosos médicos com seus ilícitos que não prejudicam a ninguém, ou ...ladrões de galinha que roubam para matar sua fome... os grandes criminosos e ladrões da coisa publica, acobertados e incentivados pelo PT apóstata, estarão livres para continuarem sua missão pessoal! Efetivamente, aqui o Sol não brilha igualmente para todos...(Márcio Dayrell Batitucci)

Guiné ditatorial. 
Uma homenagem e tanto
. Como todos sabem são muitos, e variados, os assuntos que precisam e merecem ser abordados, para que mais e mais brasileiros tenham clara noção das causas e consequências dos nossos males. Os quais, diga-se de passagem, além de não serem poucos são pra lá de complicados.
Consciência sufocada
. Pois, mesmo assim, não é que até a maior festa popular do país o carnaval, que por si só já é motivo para mostrar o quanto ele é capaz de deixar muita gente alienada, veio a contribuir, de forma substancial, para que eu escrevesse este editorial tentando esclarecer o quanto os brasileiros, em geral, estão com a consciência totalmente sufocada.
Escolas de samba
. Falo (ou escrevo, melhor dizendo), especificamente, sobre o maior espetáculo televisivo que representa o desfile das Escolas de Samba do Grupo Especial, que na edição deste ano sagrou-se campeã, como o mundo todo sabe, a Beija Flor, de Nilópolis.
Guiné equatorial
. Primeiramente, vale a pena reconhecer que, caso a Beija Flor não tivesse sido a vencedora, o fato de ter homenageado a Guiné Equatorial, país absolutamente dominado por uma ditadura, não teria despertado interesse algum, tanto por parte da mídia quanto por parte dos espectadores. 
. Porém, como a Beija Flor ganhou o troféu, só depois de ter sido anunciada campeã é que muita gente teve ideia (ou foi devidamente informada) de que a Guiné Ditatorial, ou Equatorial é dominada pelo tirano Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, que está há 35 anos no poder.
Discussão absurda
. O que está sendo discutido, como propõe o jornal O Globo (somente agora, ou depois da vitória), como se fosse algo vital, é que a Beija Flor teria recebido R$10 milhões de reais do governo do ditador Mbasogo. Ora, o que menos importa, tanto agora quanto no dia em que a direção da Escola se decidiu pela homenagem que resolveu prestar ao país dominado por um ditador, é o fato de ter sido um real ou dez milhões de reais. 
Origem do donativo
. O que importa, como estamos assistindo por todos os cantos, é que os brasileiros (em geral) estão de tal forma com suas consciências sufocadas que não querem saber a origem do donativo (???): o que realmente interessa, infelizmente, é que basta alguém aparecer com disposição de pagar a conta para que todos aplaudam e rendam homenagens. Pode? 
Promoção de ditadores
. Eu não creio que a Beija-Flor de Nilópolis morra de amores pela ditadura que é praticada na Guiné Equatorial. Mas é deprimente que aceite dinheiro oriundo de um país cujo líder que quer se promover a base de dinheiro do povo para eventos no nosso país.
. Aliás, em 2006, uma outra escola de samba, a Vila Isabel, também foi agraciada por um ditador. É o caso do Hugo Chávez, então presidente da Venezuela, que deu dinheiro do povo venezuelano para garantir a festa da escola na Sapucaí. Que tal? (Gilberto Simões Pires)

Nenhum comentário: