14 de jun de 2014

Ânimos exacerbados…

 photo _atorcedora.jpg
Morre a cantora Marlene, uma das Rainhas do Rádio aos 91 anos.

• Em convenção, Aécio tenta imagem de unidade. Pré-candidato tucano subirá tom contra Dilma em evento em que indefinições sobre futuro de Serra persistem. José Serra tem lugar reservado pela organização para discursar em apoio ao mineiro, mas indefinições sobre seu futuro político e até mesmo sobre sua presença no ato persistem. 
 • O discurso do pré-candidato tucano Aécio Neves para a convenção nacional do PSDB, marcada para hoje (14), pretende mostrar aos colegas de partido que seu tom na campanha será o de ataque implacável à presidente Dilma Rousseff e ao PT. Esse ponto é entendido pelos tucanos como capaz de empolgar a plateia e passar a imagem de unidade, apesar das indefinições que rondam o evento tucano em que será confirmada a candidatura presidencial do mineiro. 
• Aécio deve se referir a Dilma como um produto e se colocar como um político com começo, meio e fim, capaz de oferecer nome limpo e alternância de poder no governo federal. 
• Já em relação ao socialista Eduardo Campos, Aécio não fará ataques diretos. O tucano, no entanto, pretende se apresentar como único candidato genuinamente de oposição. A ideia é se diferenciar de Campos, que tem feito ataques a Dilma, mas defendido o ex-presidente petista Luiz Inácio Lula da Silva, do qual foi ministro no primeiro mandato e aliado de primeira hora dos governos petistas.
• PSDB chega à convenção nacional em clima de expectativa sobre a escolha do vice na chapa presidencial tucana. As atenções também se voltam para o futuro do ex-governador José Serra, sua participação na campanha e até mesmo sua presença na própria convenção. 

• Em alta nas pesquisas, Skaf se apresentará como o novo em convenção do PMDB. Presidente licenciado da Fiesp, pré-candidato ao governo de SP está em seu melhor momento na disputa e tenta quebrar o histórico predomínio PSDB-PT nas eleições do Estado.

• Senador Randolfe Rodrigues abandona candidatura à Presidência da República pelo PSOL. 

1) A via crucis dos policiais militares na Copa. Pezão diz que não pode demitir comandante da PM do Rio. O coronel Castro Menezes vai entrar para a história como o pior comandante da PM de todos os tempos. Não tem a menor condição de comandar a corporação. Está impondo aos policiais militares as piores humilhações. Além de dormirem no chão em pedaços de papelão, de terem que pagar táxi para voltar para o batalhão, porque os ônibus da PM estão quebrados, agora vocês podem ver o rancho dos policiais, que é bom lembrar, por conta da Copa vão passar dois meses sem folga. Arroz, farofa, ovo mexido e batata palha, isso para encarar uma jornada de até 14 horas em pé. 

2) Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro – PMERJ: Parabéns, senhor governador, parabéns secretário de segurança pública e claro, parabéns também para os comandantes dos batalhões e da própria PMERJ. Parabéns por todo esse desrespeito ao policial militar. Se até os senhores faltam com o respeito, o que esperar da própria população? Respeito que não será, né?! Tenho cada dia mais vergonha dos senhores.

3) Ontem (13), cerca de 200 policiais foram à Copacabana, por conta das manifestações. Eles vieram do interior do Estado, levaram quase que 05 horas em deslocamento. Foram à Copa, com veículo oficial e ao voltar, ninguém se mobilizou. Não enviaram nenhuma viatura. Eles tiveram que voltar de táxi, depois de horaaaaaas de espera. Eles chegaram na manhã de ontem e ficaram até a madrugada e apenas almoçaram. Eles vieram das cidades de Pádua, Campus, Itaperuna e Macaé.

4) 'O que a polícia faz conosco é uma falta de respeito. Peguei cinco horas de viagem para chegar aqui. Às 9h já estávamos na rua reforçando o policiamento do Rio. A corporação pediu para que a gente estivesse pronto às 21h. São 23h e, até agora, ninguém, nenhum comandante nos ligou para dar uma satisfação. Estamos cansados, trabalhamos em pé o dia todo, nossa última refeição foi às 14h. Não jantamos ainda. Isso só vai poder acontecer agora quando chegarmos em nossa cidade, depois de mais cinco horas de viagem' disse um dos policiais, que pediu para não ser identificado. 

• Rebeldes pró-Rússia matam 49 ao derrubar avião de transporte militar da Ucrânia. 

• Google tem 72 horas para suspender veiculação de vídeos considerados ofensivos a religiões africanas.

• Governo mexicano avança ainda mais no estrangulamento da Pemex - O governo de Enrique Peña Nieto esta prestes a obter uma vitória no Congresso mexicano de forma a permitir a presença de empresas estrangeiras, concorrendo com a Petróleo Mexicano S.A. (Pemex). Desfaz-se, assim, um monopólio que já durava 76 anos. Para muitos analistas, as mudanças apenas aplainam o terreno para a verdadeira intenção de Peña Nieto, ou seja, privatizar a empresa.

• Mais álcool na gasolina exige estudo cauteloso. O governo decidiu pensar melhor sobre a intenção de aumentar dos atuais 25% para 27,5% a participação do etanol anidro na mistura da gasolina.


Desmoronando o ídolo de barro 
 photo _apiauilula.jpg
Em Teresina, Lula não lota casa de eventos alugada e fala para cadeiras vazias... O mar não está para peixe. Frustrada a expectativa de casa lotada na visita de Lula. Ex-presidente foi pouco prestigiado em evento. A tão anunciada vinda do ex-presidente Lula ao Piauí não foi como o PT planejava. Aqueles que esperavam que a casa de show Teresina Hall estivesse lotada de petistas e simpatizantes saíram frustrados do evento. Faltou gente e a organização do evento foi obrigada a usar como estratégia pedir que os presentes se levantassem das cadeiras e se amontoassem na frente do palco para disfarçar o grande vazio na plateia.

O áudio revela um estranho efeito do medo de vaia: Dilma achou que era Elizabeth II. 
1. A mais recente internação recomendada pelo jornalista Celso Arnaldo Araújo merece ser reproduzida no Direto ao Ponto. Confira: 
2. Por último, eu queria pedir a vocês que todos nós nos levantássemos e cantássemos parabéns para o senhor Ban Ki-moon. Queria cumprimentá-lo, juntamente com a senhora Ban Sun-taek. Vamos cantar Parabéns pra Você, cada um na sua língua
3. Dilma Rousseff, durante almoço oferecido aos chefes de estado e de governo presentes à Copa, ao usar o nome do secretário-geral da Organização das Nações Unidas para propor um brinde à Torre de Babel - antes de entoar Happy Birthday homenageando Joel Santana. 
4. Parece mentira, mas aí está o áudio para provar que a presidente assassinou em inglês a musiquinha que cada um dos presentes deveria cantar no idioma natal. A maluquice demonstra que medo de vaia pode até induzir o portador a mudar de país, de identidade e de cargo. Apavorada com o que ouviria no Itaquerão, a presidente que o marqueteiro João Santana promoveu a rainha deve ter achado que era Elizabeth II.


Oposição em alta
1. O pior dos resultados para o Palácio do Planalto acabou se concretizando. A oposição está em alta, não apenas a externa como também a dos partidos aliados. O PMDB não vai tão dividido às eleições presidenciais desde 2002, quando indicou Rita Camata para vice na chapa tucana liderada por José Serra, derrotado então pelo ex-presidente Lula, que contou com o apoio de diversos grupos dissidentes regionais do PMDB.
2. A convenção nacional do partido decidiu apoiar a reeleição de Dilma por 59% contra 41%, dando-lhe mais 4 minutos e 36 segundos de propaganda eleitoral no rádio e na televisão, mas negando o apoio de sua máquina partidária em muitos estados. (Merval Pereira)
Onde estavam os senhores da Copa?
Onde estavam ontem os políticos que festejaram a escolha do Brasil como sede da Copa do Mundo de 2014? Onde estavam: Lula, Sérgio Cabral, Eduardo Campos, Aécio Neves, José Serra, Jaques Wagner, Yeda Crusius, Cid Gomes, Carlos Eduardo de Sousa Braga, Wilma de Faria, Roberto Requião, José Roberto Arruda, Blairo Maggi? Onde estava Marina Silva que queria uma sede no Estado dela, o Acre? Onde estavam os prefeitos, senadores, deputados, ancoras de televisão e rádio que queriam tanto a Copa do Mundo? Onde estavam os prefeitos e governadores responsáveis pelas obras exigidas pela Fifa? Ontem, coube a uma única mulher receber toda a agressão de uma torcida rica e privilegiada que conseguiu ingressos para o jogo de abertura em São Paulo. Uma elite raivosa que não perde a chance de destilar seu ódio de classe, seus preconceitos e sua falta de educação. Parabéns, presidenta Dilma, você não se escondeu nos palácios da República como fizeram os governadores. (Florestan Fernandes Jr.)
Lula chama de moleques os responsáveis pelos xingamentos a Dilma na abertura da Copa. Perderam a educação e o respeito, diz Lula sobre vaias a Dilma na Copa. Ao entregar a presidente Dilma Rousseff uma rosa branca em símbolo de paz, o ex-presidente Lula lamentou as agressões sofridas por ela durante a abertura da Copa do Mundo de 2014, em São Paulo e a confortou: O que você sofreu não foi uma agressão à presidenta, foi uma agressão ao povo brasileiro. Nossa vingança será a vitória, disse em ato em Recife.
O que ele não sabe onde iniciaram as vaias e xingamentos contra a presidenta Dilma Rousseff (PT) no jogo Brasil e Croácia na abertura da Copa do Mundo na Arena Corinthians?
Da área VIP do estádio (conforme G1 e Folha), composta basicamente por quem pagou R$ 990,00 nos ingressos e por celebridades, principalmente artistas da Rede Globo de Televisão e demais redes de TV.
A maioria desses artistas entraram de graça no estádio, com ingressos cortesias, ou pagaram quase mil reais em cada entrada.
É esse tipo de gente que desrespeita uma senhora ao lado de sua filha, e que não aceita a redução das desigualdades sociais no Brasil nos últimos 10 anos.
A ESPN disse que o público que xingou Dilma é um público diferente, que paga ingresso caro ou é convidado, e que foi uma grosseria, uma má-educação, lamentável, deplorável e deprimente. O respeitado jornalista Juca Kfouri disse que a torcida foi mal-educada, que é a torcida da elite branca e algo não cidadão e não democrático, e que essa torcida nunca vaiou o Paulo Maluf. Juca informou que conversou com os voluntários e funcionários do estádio e que 95% deles não gostaram dos xingamentos à presidenta informou que os trabalhadores presentes na Arena Corinthians disseram que não gostaram das ofensas contra Dilma vindas dos endinheirados.

Maradona condena agressão a Dilma: absurdo! - É uma vergonha. Eu não vou assistir a mais nenhuma partida nos estádios. Eu vou ver no hotel, pela televisão, disse o craque Diego Armando Maradona, maior jogador da história do futebol argentino, após os insultos dirigidos por parte da torcida à presidente Dilma Rousseff, no Itaquerão; simpatizante da esquerda latino-americana, Maradona torceu para o Brasil, acertou o placar, mas saiu escandalizado com o comportamento da elite brasileira.
A culpa é da vítima
O estádio inteiro demonstrou sua insatisfação com ela [a presidente Dillma] de maneira grosseira, porém sincera; mais adiante, ele culpa a própria presidente Dilma e o PT pela agressão; essa exacerbação dos sentidos não ajuda a democracia, mas é preciso salientar que esse clima de guerra permanente foi instalado pelo PT, que não sabe fazer política sem radicalização e que precisa de um inimigo para combater. A prática do nós contra eles acaba levando a radicalizações como a de quinta-feira; ahn? (Merval Pereira)
Interpol vem ao Brasil para apurar possível manipulação de jogos na Copa.
• O secretário geral da Interpol (organização internacional que coopera com policias de diversos países), Ronald Noble, revelou à rede americana CNN que a instituição enviou uma equipe para o Brasil para investigar uma possível manipulação de partidas na Copa do Mundo.
Posso garantir que, agora, enquanto a Copa acontece, existem grupos de crime organizado trabalhando com apostas ilegais. Isso pode influenciar no resultado de um jogo ou no que acontece em campo, com suborno ou corrupção, disse Noble em entrevista ao apresentador Richard Quest no programa Quest Mean Business, na tarde desta sexta-feira (13).

1. Deputado Federal Romário diz: O site da ONG Contas Abertas desconstruiu a fala da presidente Dilma Rousseff, quando ela comparou o valor gasto com estádios com o investimento do País em saúde e educação. De acordo com a ONG, seu pronunciamento na última terça-feira foi, no mínimo, inadequado. O que ela chamou de investimento"para classificar o valor de R$1,7 trilhão desembolsado para as duas áreas, na verdade, se trata de despesas correntes.
2. Na prática, Dilma contabilizou esse investimento não da mesma maneira como são feitos os gastos com estádios, que englobam apenas as despesas com obras e compra de equipamentos, mas sim incluindo todas as despesas de custeio, como água, luz, manutenção e pagamento de pessoal, e até o giz da sala de aula!
3. A presidente se enrola a cada dia mais com suas próprias palavras, é lamentável que ela dissimule números para confundir a população, comparando investimentos em estádios com o orçamento global para saúde e educação.
4. Leiam no site Contas Aberta Aqui
video

Covarde e supersticiosa
O ateu, esse serzinho abominável que se acha, no cúmulo de sua petulância e acha que tudo pode fazer num passe de mágica, porém seguidor fanático da religião civil do século XX, causou o assassinato de 150 milhões na face da Terra.
Sim, estou falando dos comunistas, socialistas, maoístas, etc., incluindo os petistas, todos ateus, pois para estes iluminados que nos governam, Deus é coisa de gente atrasada, burra e ignorante, pois perdem tempo em acreditar nessa bobagem ao invés de acreditarem nos verdadeiros deuses do olimpo, como por exemplo, Karl Marx, Lênin, Stalin, Mao Tse Tung, Che Guevara, Fidel Castro, Lula e Cia.
Pois é, esse pessoalzinho não acredita em Deus, mas acredita em dedinho virado para dar sorte e vitória!
Esse pessoal simplesmente despreza o trabalho, o esforço, a dedicação, o comprometimento e a transpiração de um trabalho árduo, cotidiano, persistente e determinado, que somente atletas dedicados e os bilhões de trabalhadores anônimos no mundo todo fazem para alcançar algum êxito, sempre com a ajuda silenciosa da Divina Providência. Não é a toa que os jogadores agradecem a Deus antes e depois dos jogos.
Mas quem disse que o revolucionário gosta de trabalhar?
Vejam o dedinho virado das mãos da presidanta, ateia como ela só, porém supersticiosa até a alma, se é que ela tem isso.
Não parece ter, pois se tivesse, visitaria a região sul brasileira alagada e com milhares de desabrigados, em situação de calamidade pública. Seria o mínimo, como sinal de solidariedade e de liderança das ações que urgem diante dessa tragédia que atinge pelo menos dois estados brasileiros.
Como dizia o católico Chesterton, quem não acredita em Deus, no fundo acredita em qualquer coisa, dedinho virado, bater na madeira, gato preto, ferradura, figa, sexta-feira 13, passar embaixo de escada, espelho quebrado e como não podia faltar, eles acreditam que revolução, quebra-quebra e anarquia, resolvem alguma coisa, tudo por um mundo melhor, dentre outras bobagens.
É claro que eles tem a liberdade de acreditarem em qualquer coisa, mas não tem o direito de encher nosso saco com suas crendices e muito menos de nos matar. (CoturnoNoturno)

Nenhum comentário: