13 de ago de 2013

O crentes na Justiça, incrível, temem....

 photo _aabundoes_zps24f42d3b.jpg
• Dilma inaugura unidade biotecnológica do Grupo Cristália. A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira, 13, em Itapira (SP), que a biotecnologia é a fronteira da produção de medicamentos, momentos antes da inauguração da nova planta de biotecnologia e da expansão da produção do Grupo Cristália. Em vez de quimicamente, os produtos são feitos com células de plantas ou animais, disse. A Cristália, empresa 100% nacional, transfere tecnologia para o sistema SUS. Isso é importante porque barateia os medicamentos, completou. 

A falação... 
• Ao contrário da notícia de que o governo avaliava pedido da Petrobras e não garantia reajuste. Eis que aparece fala de Lobão confirmando planos do governo para reajustar preços de combustíveis. A ver de Jorge Serrão Mercado interpreta que proposta de subir gasolina é jogo de cena para esconder briga interna na Petrobrás

• Lucro do BB sobe 148% e vai a R$ 7,47 bi. Ganho é o maior para um 1º semestre. 

• Dólar opera em alta e supera de novo os R$ 2,30. 

• Nova fase do mensalão julga possíveis falhas. Supremo abrirá nova fase de trabalho com a análise dos chamados embargos de declaração. 

• A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado rejeitou nesta terça-feira (13), uma proposta que previa a inclusão automática de políticos com mandato eletivo na malha fina da Receita Federal. A proposta do senador Cristovam Buarque (PDT-DF) queria fiscalização mais rigorosa para as informações da declaração de Imposto de Renda de políticos.


Golpe por e-mail tenta enganar motoristas com aviso de clonagem de carteira de habilitação. 
1) Um novo golpe enviado por e-mail tenta roubar dados de usuários, pedindo que eles cliquem em um link para reaver a carteira clonada. O alerta foi emitido pelo Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo). 
2) De acordo com o órgão, o e-mail falso diz que a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) da pessoa foi clonada. Para recuperá-la, a pessoa deve abrir um arquivo anexo (um suposto relatório de investigação do caso) e entrar em contato com o órgão em até 48 horas. 
3) O Detran-SP informa que apenas envia e-mails em resposta a manifestações enviadas em seus canais de atendimento (como Disque Detran e Fale com o Detran). Além disso, quando o órgão precisa se comunicar com os motoristas, o contato é feito via correspondência ou mensagem de texto via celular (quando autorizado previamente). 
4) O e-mail sobre a clonagem da carteira de motorista conta com vários erros graves. Além de problemas de gramática (por exemplo: Todos as informações esta contida), a mensagem eletrônica usa o logotipo antigo do Detran (nas cores azul e laranja) e o remetente da mensagem (info@detran.com) não pertence ao departamento de trânsito. Por ser um órgão do governo estadual, ele não utiliza a terminação .com

Brasileiro inventor de luz engarrafada tem ideia espalhada pelo mundo. Saiba

Aldo parodia e chama estádios de elefantes de ouro 
• Ministro do Esporte lembra que arenas, como a de Brasília e a de Natal, reúnem diversas oportunidades de negócio e de geração de renda e que já há contratos para a utilização desses espaços após a Copa; Aldo Rebelo, que participa nesta manhã de audiência pública no Senado, também lembrou que não há gasto público nas obras, e sim investimentos privados ou empréstimos que retornarão aos cofres do governo; Aldo comemorou ainda a geração de empregos devido ao Mundial da Fifa: É mais do que um Uruguai de empregos

• Os manifestantes que ocupam o plenário da Câmara dos Vereadores, desde a noite da última quinta-feira, serão transferidos para outro lugar da Casa, segundo informou a assessoria da instituição nesta terça-feira. O prédio está fechado e continua cercado por policiais militares. De acordo com a assessoria, a audiência pública que seria realizada nesta terça-feira, às 10h, foi cancelada por conta da proposta encaminhada pelo vereador Eliomar Coelho (PSOL). Ele alegou não ter sido avisado com antecedência e não obteve documentação suficiente para participação na oitiva da CPI dos Transportes. A audiência ficou marcada para a próxima quinta-feira. 

• Cabral diz que manifestantes tentam coagir a democracia(?). Houve confronto entre PMs e manifestantes, interditando a Rua Pinheiro Machado, no Rio. Pelo menos seis pessoas foram detidas durante o protesto desta segunda-feira no Centro e na Zona Sul do Rio. A passeata que começou na Candelária, passou pela Alerj e pela Câmara dos Vereadores, e terminou no Palácio Guanabara, com cerca de 300 pessoas, acabou em tumulto e confronto. Manifestantes, profissionais de imprensa, professores e dois PMs - sendo um oficial - ficaram feridos.


"...A alarmante incompetência das investigações sobre o desaparecimento de Amarildo prova: a decadência do Brasil não é apenas econômica, financeira, política, eleitoral, é total. O estardalhaço sobre o exame de rotina de Lula. 38 mil pagantes no Maracanã, sem povo, que saudade do povo de 200 mil, que pagavam. 
• Na agenda de Lula, nenhuma ida ao Sírio-Libanês, nem de longe visita ao hospital. Inesperadamente, o doutor Kalil divulga nota oficial sobre o ex-presidente, jornais em manchetes, televisões com insistência: O ex-presidente está num estado de saúde perfeito, fez endoscopia, exame de corpo inteiro, até mesmo os que não eram necessários
• E o doutor Kalil concluindo. Textual: Nenhuma possibilidade de volta do câncer, sua garganta e sua voz, perfeitas. Ótimo que esteja mesmo, que não haja possibilidade de volta do câncer, sempre uma preocupação. Mas um especialista com o prestígio do doutor Kalil, avançou em alta velocidade. 
• Curiosidade muito comentada, além do exame surpresa: por que Lula, que adora aparecer, ficou longe de tudo? Dizem que a amiga Dilma Rousseff, preocupada com a cor do rosto do ex-presidente, pediu a ele para ir ao Sírio-Libanês. Ele não queria, mas como resistir ao apelo de uma amiga, e ainda mais presidente da República?...." (Helio Fernandes)

Agrotóxico


 photo _aatremdaSiemens_zpsff49bc1c.jpg Fato 1 
Um protesto contra a suposta formação de cartel em obras e licitações do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPMT) será realizado nesta quarta-feira (14) às 15h, na região central de São Paulo. O Sindicato dos Metroviários do Estado, o Movimento Passe Livre e outras 19 entidades - entre elas a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) - organizam uma concentração no Vale do Anhangabaú. 

Fato 2 
Siemens acumula multas por práticas irregulares desde 2007. Empresa, envolvida em suposto cartel. em SP, diz buscar rigor contra corrupção. Governo de SP ganha acesso a apuração. 

Fato 3 
• Escândalo da Siemens ensinou empresários alemães a não pagar propina. Pagamento de propina derrubou diretoria, rendeu multa recorde e marcou virada na história corporativa da Alemanha na década passada. Os trens da série S3000 comprados pelo governo de São Paulo da fabricante alemã Siemens podem ser vistos atualmente na linha 7 do metrô da região metropolitana, ligando a Estação da Luz, na capital, ao município de Francisco Morato. Entenda as investigações sobre cartel e propina no metrô de São Paulo 
• As autoridades brasileiras estão investigando a possível formação de um cartel internacional entre multinacionais para superfaturar obras e serviços na rede ferroviária de São Paulo e Brasília.  
• O pagamento de propinas a autoridades estaduais e diretores de empresas públicas também está sendo investigado. 
• Entenda mais sobre o caso. Como começou o escândalo? 
• Em maio deste ano, a Siemens teria feito denúncias ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), o órgão antitruste do governo federal. Em troca de punições menos severas, a empresa teria reconhecido que pagou propinas a autoridades de diferentes governos do PSDB em São Paulo e que teria formado cartel com outras empresas, como Alstom, Bombardier, CAF e Mitsui. 
• A notícia da delação premiada foi dada pela imprensa brasileira, mas não foi confirmada pela empresa alemã. Como funciona o suposto esquema? 
• As fraudes teriam acontecido em licitações públicas para venda e manutenção de metrôs e trens metropolitanos durante os governos de Mario Covas, José Serra e Geraldo Alckmin, em São Paulo, nos anos 1990 e 2000. 
• Segundo as denúncias publicadas pela revista IstoÉ, a Siemens subcontratava empresas no Brasil para pagar propinas a políticos e diretores de empresas públicas. Outra vertente do esquema usava contas no exterior, em paraísos fiscais. 
• Outra acusação é referente à suposta formação de cartel. As multinacionais combinavam entre si quem ganharia e quem perderia concorrências públicas em mais de 30 países, para conseguir forçar os preços a serem superfaturados. Esse esquema teria sido usado nos metrôs de São Paulo e Brasília. O que dizem as empresas e políticos? 
• As empresas envolvidas já se manifestaram publicamente. A Siemens e a Mitsui afirmam que estão cooperando com as autoridades, e não pretendem se manifestar antes do fim das investigações. 
• A CAF, a Bombardier e a Alstom dizem que não estavam envolvidas com o governo de São Paulo no período que está sendo investigado. 
• O governador Geraldo Alckmin defendeu as gestões de seu partido, e disse que se for comprovado qualquer irregularidade, as empresas serão punidas e o Estado será indenizado. Qual foi a repercussão do caso? 
• Quatro órgãos diferentes estariam envolvidos nas investigações: Conselho Administrativo de Defesa Econômica, Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual de São Paulo e Polícia Federal. 
• As acusações tiveram repercussões políticas. O PSDB acusou o Cade, do governo federal, de não liberar dados sobre a investigação para o Ministério Público de São Paulo investigar. O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que o processo corre em sigilo, e pediu calma a todos os investigados, dizendo que os nervos estão à flor da pele
• O PT se mobiliza no Senado e na Câmara dos Deputados para abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito que investigue as denúncias. O PSDB defende que as investigações fiquem restritas aos órgãos que já atuam no caso. Como isso é visto no exterior? 
• Até agora, o caso não teve grande repercussão na imprensa alemã, apesar de ter sido noticiado por alguns grandes órgãos de imprensa, como o jornal Sueddeutsche Zeitung, de Munique. 
• Na Alemanha, a Siemens foi condenada em 2006 por pagamento de propina a autoridades no exterior e multada em mais de US$ 1,4 bilhão. O escândalo foi um dos maiores da história corporativa do país. 
• Algumas das investigações começaram no Brasil a partir da denúncia do pagamento de propinas a brasileiros feita à Justiça alemã em 2008 por um funcionário da Siemens. ( BBC Brasil, Londres)

Farmacêuticas são acusadas de subornos na China. Cinco vendedores revelaram esquema para elevar vendas; revelação ocorre após prisão de representantes de multinacional britânica. 
1) Índia nega patente a farmacêutica e salva'genérico contra câncer. A Suprema Corte da Índia rejeitou o pedido da empresa farmacêutica Novartis para patentear uma versão atualizada do seu remédio Glivec, usado no tratamento de câncer. 
2) Na prática, a decisão significa que os fabricantes de genéricos poderão continuar a vender a sua versão, bem mais barata, do medicamento na Índia, um dos mercados de farmacêuticos que mais cresce no mundo.
3) O Glivec é usado contra a leucemia crônica mieloide e o tratamento mensal custa cerca de US$ 2.600 (cerca de R$ 5.200). Já o tratamento com o genérico custa na Índia US$ 175 (R$ 350).Segundo a Justiça do país, a nova versão do Glivec tinha diferenças muito pequenas em relação à anterior.

• Viagem sem volta a Marte já tem mais de 100 mil inscritos Estações de colonização do projeto Projeto Mars One tem ambicioso plano de colonizar o planeta vermelho a um custo de U$S 6 bilhões. 

• Mudanças em petroleira geram desconfiança no México. Iniciativa enfureceu setores ligados à esquerda; Pemex perderia monopólio sobre o controle da matéria-prima. 

• Condomínimo para idosos gays gera polêmica na França. Empreendimento residencial é o primeiro do tipo no país e reabriu debate sobre comunitarismo homossexual

• Mugabe promete acelerar apropriação de empresas estrangeiras no Zimbábue. O presidente reeleito do Zimbábue, Robert Mugabe, declarou nesta terça-feira que seu partido, a União Nacional Africana do Zimbábue-Frente Patriótica (Zanu-PF), continuará com o plano de assumir o controle das empresas estrangeiras presentes no país. Mugabe, de 89 anos,fez o anúncio durante o discurso por ocasião de Dia das Forças de Defesa, no qual se vangloriou que as potências ocidentais não tenham podido impedir que seu partido tome o controle dos recursos naturais do país. 

• EUA subestimaram aliança entre guerrilha e narcotraficantes na Colômbia. Os militares dos Estados Unidos consideravam que os vínculos entre grupos guerrilheiros colombianos e o narcotráfico no final dos anos 80, então preocupantes, seriam de curto prazo, segundo documentos confidenciais desclassificados pelo Governo brasileiro. De acordo com a ata de uma reunião que militares dos Estados Unidos e do Brasil tiveram em outubro de 1988, divulgada hoje pelo jornal O Estado de São Paulo, a maior potência militar do mundo pouco apostava na aliança entre guerrilheiros e narcotraficantes na Colômbia. Nas respostas (às inquietações dos militares brasileiros), os americanos destacaram a existência na América do Sul de vínculos entre narcotraficantes e guerrilheiros, principalmente na Colômbia. No entanto, os americanos previram que isso tendia ao fracasso já que os objetivos finais dos guerrilheiros e narcotraficantes são diferentes segundo o documento. Apesar de subestimar essa relação, quase duas décadas depois a Justiça americana acusou a guerrilha Forças Armados Revolucionárias da Colômbia (FARC) de ser responsável por 60% da cocaína que chega ao país e formulou acusações por narcotráfico contra cerca de 50 dirigentes do grupo. 

1) Morre na Rússia o criador do foguete Soyuz. Alexander Soldatenkov, célebre criador de naves espaciais russas, incluindo o célebre foguete Soyuz-2, faleceu aos 86 anos, anunciou o Centro Espacial de Produção e Pesquisa Progress (TSKB). 
2) Nascido em 1927, Soldatenkov começou a trabalhar na indústria espacial em 1951 e comandou os preparativos do voo de Yuri Gagarin, primeiro homem enviado ao espaço em 1961, na então União Soviética (URSS).
3) Soldatenkov foi depois o coordenador de criação do lendário R-7, primeiro foguete que colocou um satélite em órbita ao redor da Terra, e também do Soyuz-2. O foguete Soyuz, lançador russo cuja concepção remonta aos anos 1960, é o mais ativo do mundo, com quase 1.700 lançamentos no total.

• Estudo revela que induzir o parto pode aumentar risco de autismo. Um estudo americano divulgado nesta semana revelou que as mulheres grávidas que tomam medicamentos para acelerar o trabalho de parto têm um risco maior de ter filhos com autismo. O estudo, divulgado pela revista JAMA Pediatrics, é o maior deste tipo no assunto, mas não chega a afirmar que o parto induzido é uma das causas do transtorno do desenvolvimento que afeta uma em cada 88 crianças nos Estados Unidos. Ao invés disso, aponta para a necessidade de mais pesquisas, explicou sua autora, Marie Lynn Miranda, reitora da Escola de Recursos Naturais e Meio Ambiente da Universidade de Michigan. 

• Espanha fica satisfeita com adiamento de licitação de trem bala no Brasil. A ministra do Fomento da Espanha, Ana Pastor, comemorou nesta terça-feira a decisão do governo brasileiro de adiar a licitação do trem de alta velocidade entre Rio de Janeiro e São Paulo, após o pedido dos consórcios de Espanha e Alemanha, que pretendem se apresentar no processo. O governo anunciou ontem o adiamento da licitação para a construção do trem bala entre Rio de Janeiro e São Paulo por pelo menos por um ano, a quarta prorrogação desde 2010, quando o prazo para a apresentação das ofertas terminaria em 16 de agosto.


Dê a todas pessoas seus ouvidos, mas a poucas a sua voz. (William Shakespeare)

Nenhum comentário: