13 de mai de 2013

125 anos da abolição da escravatura...

 photo _aaptdegrada_zpsd7dc6aad.jpg
• Após apelo de Dilma, Câmara corre para votar MP dos Portos. Votação da MP dos Portos é adiada para a terça. A Câmara realizará na noite desta segunda-feira uma sessão extraordinária destinada a apreciá-la. 
• Em 14 dos 27 estados, Assembleias Legislativas mantêm salários em sigilo. Casas não informam folhas de pagamento em sites; só Rio de Janeiro e Espírito Santo cumprem integralmente a lei. 
• Estrangeiros resgatados de trabalho escravo no Brasil são ponta de iceberg. Bolivianos, paraguaios e chineses estão entre imigrantes que vieram ao país atrás de oportunidades mas acabaram vítimas de formas contemporâneas de escravidão. Ex-vítimas de trabalho escravo ganham vida nova em estádio da Copa. 
• Fórmula para fraudar leite no Sul era vendida a R$ 10 mil, diz Promotoria.
• Licenças médicas de funcionários do Senado somam 87,5 mil dias em 2 anos. Dados foram obtidos pelo Estadão por meio da Lei de Acesso; boom de afastamentos (78,4 mil dias) está entre concursados, que não estão submetidos ao Regime Geral de Previdência. 
• Venda de armas no Brasil cresceu 378% em cinco anos.
• Garagem do pastor Marcos reúne dez carros de luxo, avaliados em R$ 1 mi. Viagem de pastor Marcos aos EUA é investigada pela polícia. 
• Corregedoria da Polícia Civil do Rio vai investigar caso de cena de crime forjada por policiais e Chefe da Polícia Civil do Rio diz que cena forjada terá punição exemplar. 
• Inscrições do Enem 2013 começam nesta segunda; provas serão em outubro.


Menino autista gênio da física cotado para um dia levar Nobel
 photo _aajacobbarnett_zps05880cab.jpg
Aos dois anos de idade, o jovem americano Jacob Barnett foi diagnosticado com autismo, e o prognóstico era ruim: especialistas diziam a sua mãe que ele provavelmente não conseguiria aprender a ler ou sequer a amarrar seus sapatos. 
• Mas Jacob acabou indo muito além. Aos 14 anos, o adolescente estuda para obter seu mestrado em física quântica, e seus trabalhos em astrofísica foram vistos por um acadêmico da Universidade de Princeton como potenciais ganhadores de futuros prêmios Nobel. 
• O caminho trilhado, no entanto, nem sempre foi fácil. Kristine Barnett, mãe de Jacob, diz à BBC que, quando criança, ele quase não falava e ela tinha muitas dúvidas sobre a melhor forma de educá-lo. 
 (Após ser diagnosticado), Jacob foi colocado em um programa especial (de aprendizagem). Com quase 4 anos de idade, ele fazia horas de terapia para tentar desenvolver suas habilidades e voltar a falar, relembra. 
Mas percebi que, fora da terapia, ele fazia coisas extraordinárias. Criava mapas no chão da sala, com cotonetes, de lugares em que havíamos estado. Recitava o alfabeto de trás para frente e falava quatro línguas.
• Jacob diz ter poucas memórias dessa época, mas acha que o que estava representando com tudo isso eram padrões matemáticos. Para mim, eram pequenos padrões interessantes.
Estrelas 
• Certa vez, Kristine levou Jacob para um passeio no campo, e os dois deitaram no capô do carro para observar as estrelas. Foi um momento impactante para ele. 
• Meses depois, em uma visita a um planetário local, um professor perguntou à plateia coisas relacionadas a tamanhos de planetas e às luas que gravitavam ao redor. Para a surpresa de Kristine, o pequeno Jacob, com 4 anos incompletos, levantou a mão para responder. Foi quando teve certeza de que seu filho tinha uma inteligência fora do comum. 
• Alguns especialistas dizem, hoje, que o QI do jovem é superior ao de Albert Einstein. 
• Jacob começou a desenvolver teorias sobre astrofísica aos 9 anos. No livro The Spark (A Faísca, em tradução livre), que narra a história de Jacob, ela conta que buscou aconselhamento de um famoso astrofísico do Instituto de Estudos Avançados de Princeton, que disse a ela que as teorias do filho eram não apenas originais como também poderiam colocá-lo na fila por um prêmio Nobel. 
• Dois anos depois, quando Jacob estava com 11 anos, ele entrou na universidade, onde faz pesquisas avançadas em física quântica. 
• Questionada pela BBC que conselhos daria a pais de crianças autistas - considerando que nem todas serão especialistas em física quântica -, Kristine diz acreditar que toda criança tem algum dom especial, a despeito de suas diferenças
No caso de Jacob, precisamos encontrar isso e nos sintonizar nisso. (O que sugiro) é cercar as crianças de coisas que elas gostem, seja isso artes ou música, por exemplo

Cadê a mulher...

• Novo vírus de pneumonia pode ser passado entre humanos. Suspeita é da OMS, que ressalta que transmissão entre comunidades ainda é improvável. Devemos temer uma pandemia da nova gripe? 
• Jerusalém: igrejas cristãs denunciam violência policial na Páscoa ortodoxa. 
• Gritos racistas interrompem partida de futebol na Itália. 
• ONU: concentração de CO2 alcança zona de perigo. 
• Onda de gelo causa destruição em lago entre Canadá e EUA. 
• Explosão mata 10 civis no sul do Afeganistão. 
• Enviado dos EUA pede à Coreia do Norte retomar diplomacia e negociações.
• Começa em Paris o julgamento de apelação de Carlos, o Chacal. 
• Tiros ferem 19 em desfile do dia das mães nos EUA. FBI nega ligação de tiroteio em Dia das Mães com terrorismo. 
• Partido muçulmano lança diálogo para governo no Paquistão. 
• Síria nega participação em atentado que matou 46 na Turquia. 
• Aquecimento deve reduzir variedade de plantas e animais. Pesquisa prevê o encolhimento da biodiversidade em áreas como a Amazônia se não conseguirmos controlar o aumento das temperaturas globais. A cada vez mais difícil vida dos ursos polares na solidão do gelo. 
• Efeitos da guerra: Refugiadas sírias são vendidas para ser noivas na Jordânia. 
• EUA: menino de 12 anos mata irmã a facadas e é apreendido. 
O amor é como a gasolina da vida. Custa caro, acaba rápido e pode ser substituída pelo álcool.

Nenhum comentário: