20 de abr de 2011

Cinco minutos

. O rapaz não consegue disfarçar sua ansiedade observando todos os movimentos do médico que analisa a pilha de exames clínicos trazidos para a reconsulta. O suor é frio. Esfregam-se as mãos. Não é bom o pressentimento. O médico calmamente mexe e remexe as folhas e seu olhar parece cada vez mais sinistro.
. O rapaz não resiste.
. - Doutor, e daí?
. Silêncio. Nenhuma expressão do médico dava pistas da condição de saúde do moço.
. Finalmente, o médico junta todos os documentos, os coloca sobre a mesa, retira os óculos e inclina-se na direção do rapaz.
. - Não temos boas notícias, meu rapaz. Você tem pouco tempo de vida.
. Gelado, o rapaz parece colado na cadeira. E com muito medo pergunta baixinho:
. - Quanto tempo, Doutor?
. - Cinco minutos. Responde o médico com serenidade profissional.
. - O que? Cinco minutos? O senhor tem certeza, doutor?
. - Absoluta.
. - Mas deve haver algo o que fazer! O que se pode fazer doutor?
. - No máximo um macarrão instantâneo.
....................
. A estória acima faz piada sobre uma criativa e bem humorada resposta do médico, e considerando a situação aflitiva que viveu o rapaz, certamente não faltariam pessoas para classificá-la como sendo uma piada de humor negro.
. Estas pessoas diriam, humor negro sim, porque faz graça em cima do sofrimento de alguém à beira da morte e sendo a morte o fim é ruim, então não tem graça. O que tem graça? Continuar vivo! Para o que? Para fazer coisas, todas as coisas que ainda precisavam ser feitas.
. Ops! Creio que encontramos o lado realmente negro no próprio discurso destas piedosas pessoas!
. Explico.
. Vamos pegar carona na piadinha?
. Você, se a partir deste instante, tivesse não mais que cinco minutos nesta vida e soubesse disto exatamente neste momento, responda-me sinceramente.
. - Onde você gostaria de estar?
. - Com quem?
. - O que gostaria de estar fazendo?
. - Para quem você ligaria ou escreveria?
. - Para expressar o que?
. Estamos caminhando para os quatro minutos...
. Dá para fazer uma lista de todas estas coisas/pessoas e eleger prioridades no tempo restante? Quer um pouco mais de tempo, certo?
. Não há graça nestes cinco minutos? E antes deles qual tem sido sua graça nesta encarnação?
. Se você ainda não sabe quer mais tempo para o que?
. Menos de quatro minutos. Ao menos a lista está pronta?
. Ou você prefere pensar que controla tudo, inclusive o tempo da hospedagem neste planeta?
. Tudo bem. Paremos por aqui. Foi só uma carona na piada, certo?
. Se você se sentiu na perplexidade do rapaz da piada, e se identifica de alguma forma e dimensão com o susto, então sorria sem culpa, reencarnacionista, porque a piada é engraçada mesmo!
. Mas mexa-se! Ou quer perder para o macarrão? (risos)
. Que você possa fazer destes cinco minutos, os primeiros e não os últimos de um grande despertar!
. A vida é uma festa de oportunidades!
. A morte também é luz!
. Ouça bem seu coração, faça já as tarefas da lista, porque isto é a felicidade!
. Abraço grande de coração a coração!
. Um recordar que pega de jeito... (Marcos Nobre)

Nenhum comentário: